MPF pede esclarecimento sobre vacinação em Búzios

Ministério Público Federal pede a secretaria de Saúde esclarecimentos sobre o método de divulgação das pessoas vacinadas

Após debates sobre a transparência na divulgação das pessoas vacinadas em Búzios, o Ministério Público Federal (MPF) também, por meio de um oficio, exigiu um esclarecimento da Secretaria de Saúde sobre a forma de divulgação do processo de vacinação. O documento foi emitido nesta quarta (7) e dá um prazo urgente de até 48h para a mudança.

Segundo o órgão, a secretaria de Saúde deve se manifestar sobre a situação irregular da divulgação do quadro de vacinados na cidade, que mostra funcionários de clínicas particulares imunizados e o fundamento legal, os grupos de risco e prioritários e a vacinação dos Quilombolas.

Atualmente a prefeitura divulgou os dados sem informar a quantidade de pessoas vacinadas pelos grupos de prioritários, dando apenas os números totais da quantidade de pessoas vacinadas no município.

O processo de imunização na cidade vem levantando questionamentos. A comunidade buziana cobra repostas em relação a falta de transparência nas divulgações da vacina e dificuldades no cadastro dos idosos.

Além da sociedade civil organizada cobrando resultados, a Câmara aprovou com unanimidade na sessão legislativa desta terça (6) o Requerimento 4/2021, que consiste no esclarecimento, com dados completos, sobre as pessoas já vacinadas até o momento presente.

Por: Natalia Nabuco, estagiária sob supervisão da jornalista Débora Evelin.

Comentários

Windows Lizenz Windows 10 Lizenz Office 2019 Lizenz Kaufen Office 365 kaufen Windows 10 Home kaufen Office 2016 kaufen lisans satın al office 2019 satın al follower kaufen instagram follower kaufen porno