Henrique Avancini completa 32 anos e relembra momentos marcantes da carreira

Atual líder no ranking mundial de mountain bike, o petropolitano tem muito o que comemorar. Em março deste ano, o atleta também venceu uma prova em Búzios.

O atleta olímpico, Henrique Avancini, completa 32 anos nesta terça-feira (30). Atual líder no ranking mundial de mountain bike, o ciclista tem muito o que comemorar e, para isso, vamos relembrar momentos marcantes da carreira dele.

Avancini sempre teve uma conexão com o ciclismo desde à infância. Sua primeira bicicleta foi feita de sucata pelo pai. Nascido em Petrópolis, na Região Serrana do Rio, o atleta participou de seu primeiro evento internacional em 2006 e se tornou o ciclista mais vitorioso do Brasil no ano passado após o fim da temporada de competições na Europa, em que o brasileiro venceu uma etapa da Copa do Mundo, a primeira de sua carreira.

Entre os momentos mais marcantes, Avancini destaca três:

Primeiro pódio, a gente nunca esquece

Em Val di Sole, em 2018, o brasileiro conquistou o primeiro pódio em provas de Copa do Mundo do Brasil.

“Essa prova foi muito importante pra mim. Eu competi muito leve. Lembro como foi o andamento da corrida, muito em detalhes, e era algo que eu desejava muito. Pra mim, foi especial por ser na Itália, país em que eu vivi momentos muito marcantes na minha carreira, principalmente, no começo da jornada como profissional, quando eu morei alguns anos lá. Enfim, conquistar meu primeiro pódio na Itália não poderia ser tão significativo. Tem um peso enorme na minha história. Eu chegar entre os melhores era o meu sonho. E, pela primeira vez, pisava no pódio da Copa do Mundo e tornava esse sonho uma realidade”, comentou Henrique.

Primeira vitória em XCC

Ainda em 2018, na estação de esqui em Vallnord, Avancini faturou a vitória no XCC de Andorra, local que, em 2017, havia entrado pela primeira vez no Top 10 em uma etapa. A prova foi com emoção e, por apenas um segundo de diferença,ele venceu os atletas Mathieu Van der Poel, Gerhard Kerschbaumer e Nino Schurter.

“Nessa prova, eu tive uma postura diferente e acabei conquistando um feito histórico para mim, ao país e ao time que eu represento. Apesar de ser uma equipe de tanto nome, a Cannondale Factory Racing ainda não havia vencido um evento de Copa do Mundo. E isso foi muito importante. Foi uma validação que não só é possível desempenhar bem, mas vencer”, analisou o brasileiro.

Uma das maiores façanhas do esporte brasileiro de todos os tempos!

No ano passado, em Nové Mesto, na Repúblia Tcheca, Henrique Avancini se tornou o primeiro brasileiro a vencer uma prova de XCO em Copas do Mundo.

“Era algo que eu acreditava que chegaria. Era questão de tempo e refinar performance em prova. Mas, o impacto ao esporte foi assustador, pela amplitude que teve, pelo significado que teve essa vitória ao mountain bike brasileiro. Eu considero um final de semana incrível, pois eu venci a rodada, com o short track e o cross-country olímpico, o que só dois atletas haviam conquistado. Foi um momento extremamente especial para mim e muito marcante ao MTB brasileiro”, finalizou.

Henrique Avancini comemora grande vitória em Nové Mesto, em 2020 | Foto: Bartek Wolinski/Red Bull Content Pool

Presença de Henrique Avancini em Búzios

No dia 14 de março deste ano, Avancini marcou presença no Circuito Grangiro em Búzios Aretê e venceu na categoria “Pro”, com um percurso de 60 km.

“O Circuito está aprovado, gostei bastante do percurso e da distribuição dos trechos. O começo foi duro, com algumas subidas curtas e íngremes. Depois tivemos uma parte que foi a mais divertida, sem dúvida nenhuma. Passamos pela praia do Peró, que foi uma sensação bem legal, um trecho mais veloz e o final, talvez a parte mais dura da prova. Deu para explorar quase todas as características do mountain bike em 60 km”, disse o ciclista na ocasião.

Avancini subiu ao pódio mais alto no Circuito Grangiro, em Búzios | Foto: Felipe Almeida

Quais serão os próximos momentos históricos?

A partir de maio, o público brasileiro poderá acompanhar ao vivo todas as emoções da Copa do Mundo de MTB XCO nas transmissões exclusivas da Red Bull TV, com narração e comentários em português. Ao todo, são seis etapas previamente confirmadas e a participação dos grandes nomes do esporte.

Recentemente, o Brasil ficou de fora do Campeonato Pan-Americano de ciclismo mountain bike, que conta pontos para o ranking olímpico, por causa de restrições de viagens a brasileiros. A Confederação Brasileira de Ciclismo (CBC) informou que as barreiras para a entrada dos atletas brasileiros em Porto Rico, sede da competição, inviabilizaram a viagem.

No ranking de nações para as Olimpíadas, o Brasil aparece na quarta colocação entre os homens e na 17ª entre as mulheres. Os 21 países mais bem colocados do ranking de maio vão faturar uma vaga nas Olimpíadas.

Comentários

Windows Lizenz Windows 10 Lizenz Office 2019 Lizenz Kaufen Office 365 kaufen Windows 10 Home kaufen Office 2016 kaufen lisans satın al office 2019 satın al follower kaufen instagram follower kaufen porno