Menu

Cidades

Grupo lojista reivindica preferência na compra do Porto da Barra

Negociação de cerca de R$ 42 milhões, inicialmente com um grupo administrador de shoppings, incluindo um jogador de futebol entre os investidores, agora tem um grupo lojista do empreendimento exercendo o direito de preferência
Entrada do Porto da Barra - Prensa de Babel
Entrada do Porto da Barra - Prensa de Babel

O Porto da Barra, ponto turístico e comercial de Búzios, fundado em 2010 pelo empresário Clemente Magalhães e projetado pelo arquiteto Octavio Raja Gabaglia, está no centro de uma nova disputa comercial. Após o anúncio, noticiado exclusivamente pela Prensa, da venda do empreendimento para um grupo operador de shoppings, com investidores brasileiros e estrangeiros, que incluiria o jogador de futebol Philippe Coutinho, um dos grupos lojistas do condomínio decidiu exercer seu direito de preferência na compra.

A venda, inicialmente acordada por cerca de 8 milhões de dólares (aproximadamente 42 milhões de reais), enfrenta agora uma reviravolta. O grupo lojista tem até esta segunda-feira (10) para efetuar o sinal de 2 milhões de reais, garantindo assim a prioridade na aquisição e obrigando o atual proprietário a estornar o sinal do primeiro comprador interessado.

O Porto da Barra, localizado na Praia de Manguinhos, próximo a Geribá, transformou-se em um eixo de atratividade em Búzios, promovendo a valorização do bairro e elevando o valor dos imóveis ao redor. Conhecido por sua diversidade de bares, galerias de arte, boutiques e restaurantes, o complexo se tornou uma referência nacional em experiências gastronômicas e de lazer à beira-mar.

O primeiro anúncio da venda foi recebido com apreensão pela comunidade, preocupada com as possíveis mudanças no estilo do empreendimento, mas a atual gestão do complexo gastronômico garantiu que não haveria motivos para preocupação e que o novo comprador pretendia preservar o legado e a importância do local para Búzios. No entanto, agora, com essa nova ação em que um grupo lojista requer o direito de preferência, promete manter a identidade e a continuidade do Porto da Barra, marcando o início de uma nova fase para o empreendimento e para a cidade.

Entenda o direito de preferência

O direito de preferência é um direito que permite a um indivíduo ou grupo adquirir um bem ou propriedade antes de outros interessados, quando o proprietário decide vendê-lo. Esse direito é geralmente estabelecido por contrato ou legislação e concede ao detentor a oportunidade de igualar ou superar uma oferta feita por terceiros para manter a propriedade do bem em questão. No contexto comercial, isso é comum em contratos de aluguel, associações de lojistas, ou entre sócios de uma empresa.

Grupo lojista reivindica preferência na compra do Porto da Barra

Negociação de cerca de R$ 42 milhões, inicialmente com um grupo administrador de shoppings, incluindo um jogador de futebol entre os investidores, agora tem um grupo lojista do empreendimento exercendo o direito de preferência
Entrada do Porto da Barra - Prensa de Babel
Entrada do Porto da Barra - Prensa de Babel

O Porto da Barra, ponto turístico e comercial de Búzios, fundado em 2010 pelo empresário Clemente Magalhães e projetado pelo arquiteto Octavio Raja Gabaglia, está no centro de uma nova disputa comercial. Após o anúncio, noticiado exclusivamente pela Prensa, da venda do empreendimento para um grupo operador de shoppings, com investidores brasileiros e estrangeiros, que incluiria o jogador de futebol Philippe Coutinho, um dos grupos lojistas do condomínio decidiu exercer seu direito de preferência na compra.

A venda, inicialmente acordada por cerca de 8 milhões de dólares (aproximadamente 42 milhões de reais), enfrenta agora uma reviravolta. O grupo lojista tem até esta segunda-feira (10) para efetuar o sinal de 2 milhões de reais, garantindo assim a prioridade na aquisição e obrigando o atual proprietário a estornar o sinal do primeiro comprador interessado.

O Porto da Barra, localizado na Praia de Manguinhos, próximo a Geribá, transformou-se em um eixo de atratividade em Búzios, promovendo a valorização do bairro e elevando o valor dos imóveis ao redor. Conhecido por sua diversidade de bares, galerias de arte, boutiques e restaurantes, o complexo se tornou uma referência nacional em experiências gastronômicas e de lazer à beira-mar.

O primeiro anúncio da venda foi recebido com apreensão pela comunidade, preocupada com as possíveis mudanças no estilo do empreendimento, mas a atual gestão do complexo gastronômico garantiu que não haveria motivos para preocupação e que o novo comprador pretendia preservar o legado e a importância do local para Búzios. No entanto, agora, com essa nova ação em que um grupo lojista requer o direito de preferência, promete manter a identidade e a continuidade do Porto da Barra, marcando o início de uma nova fase para o empreendimento e para a cidade.

Entenda o direito de preferência

O direito de preferência é um direito que permite a um indivíduo ou grupo adquirir um bem ou propriedade antes de outros interessados, quando o proprietário decide vendê-lo. Esse direito é geralmente estabelecido por contrato ou legislação e concede ao detentor a oportunidade de igualar ou superar uma oferta feita por terceiros para manter a propriedade do bem em questão. No contexto comercial, isso é comum em contratos de aluguel, associações de lojistas, ou entre sócios de uma empresa.

NOTÍCIAS DE GRAÇA NO SEU CELULAR

A Prensa está sempre se adaptando às novas ferramentas de distribuição do conteúdo produzido pela nossa equipe de reportagem. Você pode receber nossas matérias através da comunidade criada nos canais de mensagens eletrônicas Whatsaap e Telegram. Basta clicar nos links e participar, é rápido e você fica por dentro do que rola na Região dos Lagos do Rio de Janeiro.

Faça parte da nossa comunidade no Whatsapp e Telegram:

Se você quer participar do nosso grupo, a gente vai te contar como vai ser agorinha mesmo. Se liga:

  • As nossas matérias chegam pra você a cada 1h, de segunda a sábado. Informações urgentes podem ser enviadas a qualquer momento.
  • Somente os administradores podem mandar os informes e realizar alterações no grupo. Além disso, estamos sempre monitorando quem são os participantes.
  • Caso tenha alguma dificuldade para acessar o link das matérias, basta adicionar o número (22) 99954-6926 na sua lista de contatos.

Nos ajude a crescer, siga nossas redes Sociais: Facebook, Instagram, Twitter e Tik Tok e Youtube

Veja Também

Sindsol Búzios Celebra 28 Anos de História

Projeto Búzios Presente no mês do meio-ambiente promove Eco Trail de Educação Ambiental

Búzios combate ocupações irregulares no Parque Estadual da Costa do Sol

Praça da Ferradura, em Búzios, recebe neste fim de semana o Festival Blues nas Ruas

Coluna da Angela

A reprodução parcial deste conteúdo por veículos de comunicação é permitida desde que contenha crédito à Prensa de Babel na abertura do
texto, bem como LINK para o site "www.prensadebabel.com.br"
A supressão da fonte pode implicar em medidas de acordo com a lei de direitos autorais.