Búzios elegeu uma Câmara para 4 anos, sem participação feminina

Em 25 anos de emancipação apenas quatro mulheres ocuparam cargos na casa legislativa de Búzios

A cidade de Búzios decidiu por uma Câmara masculina e pouco renovada. Os nove vereadores eleitos, e que tomarão posse em janeiro, foram escolhidos, apesar dos 52% de eleitores aptos a votar no município, serem compostos por mulheres. O dado preocupa articulistas com quem a Prensa conversou durante a manhã. O que está em jogo é mais do que representatividade, é a garantia das políticas públicas efetivas.

Uma das propostas do prefeito eleito Alexandre Martins durante a campanha foi a criação de uma Secretaria da Mulher, ainda sem nome definido, mas ao que tudo indica será ocupado por Joice Costa. A vereadora desistiu da candidatura ao executivo e apoiou a campanha de Martins. Ainda não há informações sobre como a nova pasta vai funcionar e nem que custos ela terá ao orçamento do município.

Vereadora Joice Costa

O projeto precisa passar pelo plenário da Câmara e ser aprovado pelos vereadores para que possa ser colocado em prática. Segundo informações obtidas pela Prensa, esse será um dos primeiros projetos que serão encaminhados ao legislativo nos primeiros dias do novo governo.

Desde a emancipação, em 1995, e depois a primeira eleição, em 1996, a Câmara de Búzios teve pouca representatividade feminina. Elegeram-se neste primeiro pleito as vereadoras Miúda e Maria Alice, que apesar de minoria, eram combativas e deixaram um legado de bons projetos. Já em 2000 e 2004 não tivemos vereadoras eleitas e novamente a Casa Legislativa não teve representatividade feminina.

Em 2008, apenas uma mulher foi eleita, a vereadora Joice Costa, atual presidente da casa, foi a única a se reeleger para o cargo, permanecendo por três mandatos. Em 2016, foi a vez de Gladys Costa, que cumpre mandato e não pôde ser candidata em 2020, por problemas com a justiça eleitoral, na prestação de contas de sua campanha à deputada em 2018.

Vereadora Gladys Costa

As mulheres não venceram, mas tiveram destaque nas urnas. Entre as candidatas mais votadas que estão como suplentes estão: Fafá do Correio (Patriota), com 423 votos, seguida de Cíntia Coutinho (DEM) com 331 votos, Verinha (PRTB) com 196, Kiki Reis (PRTB) somando 174 votos e Bianca Machado (Republicanos) com 97.

Comentários

Windows Lizenz Windows 10 Lizenz Office 2019 Lizenz Kaufen Office 365 kaufen Windows 10 Home kaufen Office 2016 kaufen windows 10 satın al windows 10 pro satın al