blank
Publicidade

10 passeios imperdíveis para fazer em Maricá

[views count='0' print='1']

ESG é tema de destaque para a governança ambiental e social das empresas

blank

Hoje empresas que ainda não mudaram suas práticas para outras mais sustentáveis e inclusivas sofrem pressão da sociedade para rever suas políticas. Desta forma, questões relacionadas aos princípios do Environmental Social Governance (ESG), em livre tradução para o português — Governança Ambiental e Social vêm ganhando espaço. Segundo recente relatório divulgado pelo Pacto Global da ONU no Brasil, 78,4% das corporações entrevistadas — 190 organizações da iniciativa privada, do setor público e do terceiro setor — responderam que inseriram o ESG na elaboração das suas estratégias de negócio.

As ações que correspondem ao ESG vão desde projetos de economia de recursos ambientais até medidas de RH que visam garantir a diversidade, a inclusão e a igualdade no ambiente de trabalho. Dados ainda mostram que 62,1% têm investido em iniciativas de redução das emissões de gases de efeito estufa, especialmente nos setores de indústria, infraestrutura, comércio e agronegócio.

Por isso, implementar políticas de responsabilidade social e ambiental podem impactar o futuro das comunidades de forma positiva.

Publicidade

 1 – O futuro climático do planeta depende de todos

Um dos vilões do aquecimento global é o consumo de energia, principalmente, as que são altamente poluentes e contribuem para o aumento de emissões de carbono e outros gases de efeito estufa. Toda empresa pode fazer a sua parte na gestão eficiente dos recursos e investir em tecnologias verdes e sustentáveis, diminuindo o consumo de energia de fontes não renováveis.

2 – Uso responsável da água

As empresas são as grandes consumidoras dos recursos hídricos do planeta, nada mais justo que as mesmas corporações adotem uma gestão inteligente da água. O primeiro passo é realizar uma análise detalhada de consumo para identificar os principais pontos de uso e entender quais são as atividades que consomem maiores quantidades. Ademais, é possível implementar sistemas de reuso de água que permitam a utilização dela para fins não potáveis, como irrigação de jardins e limpeza de pisos e equipamentos.

3 – Adoção de relatórios ambientais e eventos que discutem o tema

A transparência é um dos pilares da governança ambiental, por isso toda e qualquer empresa que queira incorporar o ESG deve ser clara em relação às suas práticas. O indicado é que a corporação elabore relatórios regulares de impacto ambiental, onde demonstra os resultados alcançados e dispõe sobre os projetos que ainda pretende executar. Além disso, uma das boas práticas de responsabilidade ambiental inclui fazer encontros com outros players do mercado para discutir ações conjuntas. 

4 – Trabalhando para e com a comunidade 

Ter responsabilidade social é lutar junto com as pessoas para a melhoria de vida. São inúmeros os projetos que as empresas podem realizar engajando a comunidade. Trabalhar com educação ambiental e apoiar iniciativas de preservação do meio ambiente e recursos são duas formas eficientes de trazer homens, mulheres e crianças para dentro de causas sociais e ambientais.

5 – ESG é pensar no bem-estar de cada colaborador 

É impossível falar em responsabilidade ambiental e governança sem citar os profissionais que trabalham nas empresas. As ações de ESG devem, em primeiro lugar, impactar positivamente o dia a dia dos colaboradores. O departamento de recursos humanos pode oferecer programas contínuos de desenvolvimento profissional e também incluir políticas para garantir equipes plurais e diversas. “A promoção de uma cultura organizacional ética valoriza a honestidade, a responsabilidade, a transparência e a diversidade, sendo essencial para a construção de uma governança sólida e confiável”, explica Daniela Geisler, Gerente de Marketing da Hikvision.

blank

DINO

Publicidade
blank

Mais Lidas

blank

‘Morte Materna Zero’ é tema de treinamento em Búzios

[views count="1" print="0"]
blank

Verão Búzios começa com shows de Carol Biazin e Sandra de Sá no Fishbone

[views count="1" print="0"]
blank

Maricá terá 19 palcos em diversos pontos de folia no Carnaval

[views count="1" print="0"]
blank

A maré tá boa pro Sapato, brother arremata ‘Poder Curinga’ da semana

[views count="1" print="0"]
blank

Procon de Cabo Frio fiscaliza cobrança de consumação mínima na Praia do Peró

[views count="1" print="0"]
blank

Ricardo Alface vence a prova do anjo e entrega monstro aos brothers Gabriel Santana e Domitila

[views count="1" print="0"]

BBB 24

blank

Expulsão Chocante: Wanessa Camargo deixa ‘BBB 24’ após confronto com Davi!

blank

Expulsão Chocante: Wanessa Camargo deixa ‘BBB 24’ após confronto com Davi!

blank
BBB 24

Lucas Henrique é o novo Líder

blank
BBB 24

Lucas Henrique é o novo Líder

blank
BBB 24

Rodriguinho é o décimo eliminado do reality

blank
BBB 24

Rodriguinho é o décimo eliminado do reality

blank
BBB 24

Fernanda, Lucas Henrique e Rodriguinho formam a décima berlinda

blank
BBB 24

Fernanda, Lucas Henrique e Rodriguinho formam a décima berlinda

blank
BBB 24

Beatriz e Isabelle são a última dupla a deixar a Prova do Líder de Resistência do BBB 24

blank
BBB 24

Beatriz e Isabelle são a última dupla a deixar a Prova do Líder de Resistência do BBB 24

blank
BBB24

Deniziane é a nona eliminada do reality

blank
BBB24

Deniziane é a nona eliminada do reality

Últimas Notícias

Expulsão Chocante: Wanessa Camargo deixa ‘BBB 24’ após confronto com Davi!

Expulsão Chocante: Wanessa Camargo deixa ‘BBB 24’ após confronto com Davi!

Programa de Emagrecimento da Amil acompanhou 10 mil em 2023

Programa de Emagrecimento da Amil acompanhou 10 mil em 2023

Abrasel e Sebrae lançam cursos grátis para redução de custos

Abrasel e Sebrae lançam cursos grátis para redução de custos

Autora lança livro sobre os benefícios mentais da Yoga

Autora lança livro sobre os benefícios mentais da Yoga

ABIMAQ lança curso voltado para profissionais da área de energia eólica

ABIMAQ lança curso voltado para profissionais da área de energia eólica

Professores da rede municipal de Cabo Frio avaliam paralisação caso pagamento de salários não seja efetuado até o quinto dia útil de março

Professores da rede municipal de Cabo Frio avaliam paralisação caso pagamento de salários não seja efetuado até o quinto dia útil de março

Publicidade

Veja também