Menu

Cidades

Vídeo que sugere que um guarda municipal de Búzios agride um cidadão viraliza na rede e levanta debate

agessaao

 

Abuso de autoridade, Tortura, Despreparo, estão entre os termos usados por moradores de Búzios sobre a conduta da Guarda Municipal diante das imagens de um vídeo publicado na noite desta quarta-feira (26) no site Facebook  que já chegou a mais de 2 mil compartilhamentos e e quase 1000 comentários até as 16h30 desta quinta-feira (27).

No vídeo um guarda municipal de Búzios parece enforcar um  homem que se encontra imóvel no chão tendo o guarda sobre ele. O vídeo mostra também uma receptividade truculenta de outros dois guardas com os homens que faziam as filmagens do acontecido.

O Prensa conseguiu uma resposta oficial do Comando da Guarda Manicipal e  fez  contato com o motociclista  e só obteve a  resposta de que ele já estava buscando seus direitos. Mas ao site de notícias G1 o motociclista disse que na abordagem da Guarda questionou os agentes se poderia ligar para o patrão. Segundo ele, os agentes permitiram a ligação, mas o chefe não atendeu.

O guarda o teria imobilizado  quando ele  segurou na alça da moto no momento em que o veículo era colocado no reboque. Segundo o motociclista, ainda ao site G1, o telefone havia tocado, ele tentou atender e caiu, e por isso segurou na moto.

Assista o Vídeo 

Nota da Guarda 

O comando da Guarda Municipal da prefeitura de Búzios esclareceu na manhã desta quinta-feira o episódio que envolveu um motociclista flagrado com veículo irregular em blitz realizada na tarde da última quarta-feira. A ação da Guarda, na Estrada da Usina, acabou repercutindo na rede social devido à imobilização sofrida pelo motociclista.

A Guarda de Búzios, no entanto, esclareceu o caso. A moto foi flagrada na blitz com lacre adulterado e o condutor teria se agarrado a ela para a impedir a remoção do veículo, dificultando o trabalho dos integrantes da Guarda, cujo comando garantiu não ter havido “agressão, apenas imobilização corporal necessária”. De acordo com o Código Brasileiro de Trânsito, “conduzir veículo com lacre rompido é enquadrado como infração de natureza gravíssima, sujeito a multa, menos sete pontos na CNH e a apreensão de veículo”.

Nota da redação:  O site G1 ainda afirma que o motociclista, assim como a Guarda Municipal, confirma que a moto estava com o lacre adulterado, o que confira infração de trânsito.

NOTÍCIAS DE GRAÇA NO SEU CELULAR

A Prensa está sempre se adaptando às novas ferramentas de distribuição do conteúdo produzido pela nossa equipe de reportagem. Você pode receber nossas matérias através da comunidade criada nos canais de mensagens eletrônicas Whatsaap e Telegram. Basta clicar nos links e participar, é rápido e você fica por dentro do que rola na Região dos Lagos do Rio de Janeiro.

Faça parte da nossa comunidade no Whatsapp e Telegram:

Se você quer participar do nosso grupo, a gente vai te contar como vai ser agorinha mesmo. Se liga:

  • As nossas matérias chegam pra você a cada 1h, de segunda a sábado. Informações urgentes podem ser enviadas a qualquer momento.
  • Somente os administradores podem mandar os informes e realizar alterações no grupo. Além disso, estamos sempre monitorando quem são os participantes.
  • Caso tenha alguma dificuldade para acessar o link das matérias, basta adicionar o número (22) 99954-6926 na sua lista de contatos.

Nos ajude a crescer, siga nossas redes Sociais: Facebook, Instagram, Twitter e Tik Tok e Youtube

Veja Também

Coletivo GRIOT promove cortejo de bloco afro no Canto do Forte, em Cabo Frio neste domingo (26)

Wine in Búzios 2024 anuncia programação do festival

Palestra em Búzios sobre paisagismo urbano e diversidade vegetal da Região dos Lagos  

Megaoperação policial desmantela império do tráfico do Comando Vermelho em Búzios e outras cidades do país