Taxa ambiental foi aprovada, mas ainda não está sendo cobrada em Búzios

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Os turistas que forem à Armação dos Búzios terão que pagar uma espécie de pedágio, que foi aprovada mas não colocada em prática. Segunda o prefeito André Granado, é preciso ter uma logística para ser tudo organizado corretamente. A Taxa de Preservação Ambiental (TPA), criada através da Lei 1321, de 16 de fevereiro deste ano, aprovada pela Câmara Municipal e sancionada pelo prefeito André Granado.

O tributo, se organizado corretamente, será cobrado na alta temporada, que compreende até dia 15 de abril.

O lançamento da TPA seria a partir da entrada do turista na cidade e cobrada nos seguintes valores: R$ 2,40 (1,00 UPFM – Unidade de Padrão Fiscal do Município) a motos motonetas e bicicletas elétricas; 8 UPFM (R$ 19,20) a carros de passeio; 12 UPFM (R$ 28) a caminhonete e furgão; 16 UPFM (R$ 38,40) a vans e micro-ônibus; 24 UPFM (R$ 57,60) a caminhões e 40 UPFM (R$ 96) a ônibus.

Publicidade

https://prensadebabel.com.br/index.php/2016/12/30/taxa-de-preservacao-ambiental-e-aprovada-em-buzios/

 

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Últimas Notícias

MPRJ e Polícia Civil realizam operação contra organização criminosa de compra e venda de combustíveis através de empresa fantasma

Lucy Alves é a grande atração do Arraiá de Maricá neste fim de semana

Macaé terá retorno de voos para Campinas a partir de agosto

TSE define teto de gastos para campanhas nas eleições de 2022

Festa de São Pedro

Búzios celebra São Pedro, santo padroeiro dos pescadores, neste final de semana

Cabo Frio poderá proibir queima, soltura e comercialização de fogos de artifício de estampido