Sindicaf e Associação dos Guardas Civis de Cabo Frio usam Tribuna Livre durante sessão da Câmara

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email
Eles discursaram sobre o caso do agente agredido por três jovens no fim de semana

O presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais (Sindicaf), Fernando de Paula e o vice-presidente da Associação dos Guardas Civis Municipais, Adson Lopes utilizaram a Tribuna Livre na sessão ordinária desta terça-feira (14) da Câmara Municipal de Cabo Frio. Eles discursaram sobre a agressão sofrida por uma guarda municipal em serviço na madrugada deste domingo (12), próximo ao Terminal Rodoviário Alexis Novelino.

O guarda estava trabalhando e, durante uma abordagem, pediu que os ocupantes de um carro retirassem o veículo que estava estacionado em um local proibido. Neste momento, ele foi agredido.

“O fato revolta toda a sociedade e é injustificável. O vídeo rodou o país inteiro. Há anos os guardas sofrem com a estrutura precária. Precisamos de ações efetivas”, disse De Paula.

Publicidade

Em seguida, Adson Lopes utilizou a tribuna, onde fez um emocionado desabafo. Dezenas de guardas municipais estiveram na assistência.

 “É um ser humano por trás de um uniforme, exercendo o serviço para qual foi designado. Não é só um guarda, é um pai de família. A Guarda Civil de Cabo Frio está desguarnecida e desrespeitada há muitos anos. Essa é a nossa realidade”, lamentou.

O presidente da Câmara, o vereador Miguel Alencar (União) afirmou que a Câmara repudia com veemência qualquer ato de violência dispensado a qualquer servidor público em exercício da função.

“Toda ação violenta deve ser apurada e punida com afinco. A Câmara se solidariza ao Guarda Municipal Piterson Nogueira de Oliveira, a toda a corporação e reforça que acompanhará o caso com todo o rigor necessário”, disse.

Ainda na sessão desta terça-feira, foi aprovado em plenário o Requerimento 124/2022, de autoria de todos os vereadores. O documento requer outorga de Moção de Solidariedade ao Agente da Guarda Civil Municipal, Piterson Nogueira de Oliveira.

A Guarda Civil Municipal é uma corporação de caráter civil uniformizada, aparelhada e equipada, organizada com base na hierarquia e na disciplina, com a finalidade de atuar na proteção municipal preventiva, ressalvadas as competências da União e do Estado, segundo o que preconiza o artigo 2º da Lei Municipal nº 3.218/2020 que dispõe sobre a reestruturação da Guarda Municipal e altera sua denominação.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Últimas Notícias

Shopping Park Lagos, em Cabo Frio, promove Festival de Tênis de Mesa neste fim de semana

MPRJ e Polícia Civil realizam operação contra organização criminosa de compra e venda de combustíveis através de empresa fantasma

Lucy Alves é a grande atração do Arraiá de Maricá neste fim de semana

Macaé terá retorno de voos para Campinas a partir de agosto

TSE define teto de gastos para campanhas nas eleições de 2022

Festa de São Pedro

Búzios celebra São Pedro, santo padroeiro dos pescadores, neste final de semana