Menu

Cidades

Projeto em Rio das Ostras vai incluir resgate de animais marinhos

Órgãos ligados ao meio ambiente conhecem projeto de Monitoramento de Praias da região da Bacia de Campos e ES
Foto Matheus Muller
Foto Matheus Muller

Rio das Ostras reuniu, no último dia 4, representantes do poder público e sociedade civil para conhecer o novo Projeto de Monitoramento de Praias da região da Bacia de Campos e Espírito Santo. O encontro foi organizado pela Secretaria de Meio Ambiente, Agricultura e Pesca, por meio do Departamento de Educação Ambiental (Cedro – Centro de Educação Ambiental de Rio das Ostras).

A partir de maio, a ONG Instituto BW, que trabalha com conservação e reabilitação de animais marinhos na Região dos Lagos, será a responsável por esse trabalho também em Rio das Ostras.

O monitoramento é uma exigência estabelecida pelo IBAMA em processos de licenciamento ambiental das atividades offshore de petróleo e gás natural. Esse trabalho deve ser mantido pela Petrobras nos municípios costeiros onde a empresa atua.

Durante o encontro, a bióloga do Instituto, Mariana Burato, apresentou a ONG e explicou o objetivo e a execução do monitoramento, além de outras atividades que compõem o escopo do Projeto.

O trabalho da ONG será monitorar diariamente a ocorrência de encalhes de aves, quelônios (tartarugas marinhas) e mamíferos marinhos.O Instituto será o responsável por resgatar esses animais para reabilitação e destinação correta. Os animais mortos também serão recolhidos para necropsia.

Em Rio das Ostras, a costa foi dividida em 10 praias, compondo um total de 20,16 quilômetros, que serão percorridos diariamente.

O Projeto também tem um caráter de Educação Ambiental, com atividades como feiras, exposições, ações nas escolas, ONGs e associações locais, além de encontros para orientação e troca de informações com gestores públicos e entidades ambientais do Município.

Projeto em Rio das Ostras vai incluir resgate de animais marinhos

Órgãos ligados ao meio ambiente conhecem projeto de Monitoramento de Praias da região da Bacia de Campos e ES
Foto Matheus Muller
Foto Matheus Muller

Rio das Ostras reuniu, no último dia 4, representantes do poder público e sociedade civil para conhecer o novo Projeto de Monitoramento de Praias da região da Bacia de Campos e Espírito Santo. O encontro foi organizado pela Secretaria de Meio Ambiente, Agricultura e Pesca, por meio do Departamento de Educação Ambiental (Cedro – Centro de Educação Ambiental de Rio das Ostras).

A partir de maio, a ONG Instituto BW, que trabalha com conservação e reabilitação de animais marinhos na Região dos Lagos, será a responsável por esse trabalho também em Rio das Ostras.

O monitoramento é uma exigência estabelecida pelo IBAMA em processos de licenciamento ambiental das atividades offshore de petróleo e gás natural. Esse trabalho deve ser mantido pela Petrobras nos municípios costeiros onde a empresa atua.

Durante o encontro, a bióloga do Instituto, Mariana Burato, apresentou a ONG e explicou o objetivo e a execução do monitoramento, além de outras atividades que compõem o escopo do Projeto.

O trabalho da ONG será monitorar diariamente a ocorrência de encalhes de aves, quelônios (tartarugas marinhas) e mamíferos marinhos.O Instituto será o responsável por resgatar esses animais para reabilitação e destinação correta. Os animais mortos também serão recolhidos para necropsia.

Em Rio das Ostras, a costa foi dividida em 10 praias, compondo um total de 20,16 quilômetros, que serão percorridos diariamente.

O Projeto também tem um caráter de Educação Ambiental, com atividades como feiras, exposições, ações nas escolas, ONGs e associações locais, além de encontros para orientação e troca de informações com gestores públicos e entidades ambientais do Município.

NOTÍCIAS DE GRAÇA NO SEU CELULAR

A Prensa está sempre se adaptando às novas ferramentas de distribuição do conteúdo produzido pela nossa equipe de reportagem. Você pode receber nossas matérias através da comunidade criada nos canais de mensagens eletrônicas Whatsaap e Telegram. Basta clicar nos links e participar, é rápido e você fica por dentro do que rola na Região dos Lagos do Rio de Janeiro.

Faça parte da nossa comunidade no Whatsapp e Telegram:

Se você quer participar do nosso grupo, a gente vai te contar como vai ser agorinha mesmo. Se liga:

  • As nossas matérias chegam pra você a cada 1h, de segunda a sábado. Informações urgentes podem ser enviadas a qualquer momento.
  • Somente os administradores podem mandar os informes e realizar alterações no grupo. Além disso, estamos sempre monitorando quem são os participantes.
  • Caso tenha alguma dificuldade para acessar o link das matérias, basta adicionar o número (22) 99954-6926 na sua lista de contatos.

Nos ajude a crescer, siga nossas redes Sociais: Facebook, Instagram, Twitter e Tik Tok e Youtube

Veja Também

Bell Marques lança “100% Você”, empresa de suplementação

Portalmad Portas e Janelas investe em madeira sustentável

Lances para leilões on-line de bens de apartamentos decorados estão abertos

Piscinas devem ter uso consciente da água, diz especialista

Coluna da Angela

A reprodução parcial deste conteúdo por veículos de comunicação é permitida desde que contenha crédito à Prensa de Babel na abertura do
texto, bem como LINK para o site "www.prensadebabel.com.br"
A supressão da fonte pode implicar em medidas de acordo com a lei de direitos autorais.