Prefeito eleito de Cabo Frio promete lutar por novo acesso ao Peró

por Paulo Roberto Araújo

O Peró e Ogiva voltaram a sonhar com um novo acesso, pela Estrada do Nelore. Em visita à orla do Peró neste sábado, o prefeito eleito, José Bonifácio, disse que conversou com o governador em exercício, Cláudio Castro, e que retomou a conversa sobre uma parceria com o estado para a construção da estrada, de 2,5 quilômetros, através do programa “Somando Forças”. A ligação também será uma via intermunicipal, beneficiando também os municípios de Búzios e Arraial do Cabo.

— Os engenheiros vão projetar este novo acesso, mas tenho conhecimento de que já há entendimentos com a iniciativa privada para a construção da estrada. Não é uma obra barata e por isso o município precisa da parceria do estado ou da iniciativa privada.

A abertura da Estrada do Nelore é uma antiga solicitação dos moradores do Peró e da Ogiva. As condições das vias de acesso e saída dos bairros, pela Gamboa/Jacaré, lideram as reclamações dos turistas que visitam a Costa do Peró. A nova via também servirá de ligação do Aeroporto de Cabo Frio com Búzios e desta cidade com Cabo Frio e Arraial do Cabo.

José Bonifácio visitou a orla do Peró pela quinta vez desde que começou a campanha eleitoral. A primeira visita foi em novembro do ano passado, quando participou do hasteamento da Bandeira Azul a convite dos Amigos do Peró. Novo hasteamento, para temporada de um ano, está previsto para o dia 11 de dezembro. Ele deu outra boa notícia na visita de sábado:

— Vou consultar um engenheiro especialista no assunto para projetar uma ciclofaixa ou ciclovia para ligando o Centro ao Peró. As atuais não chegam ao bairro – prometeu o prefeito eleito, que usou a bicicleta como seu principal meio de transporte na campanha eleitoral.

José Bonifácio percorreu toda a orla do Peró, que está livre do tráfego de veículos. Conversou com moradores, turistas e donos de quiosques. Ele afirmou que tem muitos projetos para o Peró, mas tem uma prioridade:

— A prioridade é consolidar a Bandeira Azul. Para isso, é preciso levar água potável e fazer a coleta de esgotos de forma técnica e eficiente dos quiosques. A Prolagos tem que resolver este problema. Ela ganhou a concessão há 20 anos e não entendo o motivo pelo qual até hoje não fez o saneamento do Peró e do bairro vizinho, o Cajueiro. É atribuição dela levar água e fazer a coleta e tratamento de esgotos – disse o prefeito eleito.

Os moradores e ambientalistas pediram a Bonifácio prioridade na conclusão do processo de desapropriação de uma casa, na Avenida dos Pescadores, próximo à Bandeira Azul, que servirá de base de operações para a Guarda Municipal e todo o pessoal que trabalha no trecho certificado. O processo já está com ordem de pagamento na Secretaria de Fazenda.

Sobre a construção dos novos quiosques (dos 17, apenas dois foram reconstruídos) José Bonifácio foi cauteloso, pois sabe que vai assumir uma prefeitura com muitos problemas financeiros:

— Esta obra é importante, mas tem custos. Vamos estudar como tornar o projeto viável. A minha proposta é construir os quiosques ao longo dos meus quatro anos de mandato, em parceria com a iniciativa privada – concluiu.

PRENSA 970X250 GOOGLE CONTEMPLADO INTERTEXTO BARRA
Comentários

Windows Lizenz Windows 10 Lizenz Office 2019 Lizenz Kaufen Office 365 kaufen Windows 10 Home kaufen Office 2016 kaufen windows 10 satın al windows 10 pro satın al