Pescador de Cabo Frio captura peixe raro – Tarpão

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email
uarez José Rodrigues, mais conhecido como Juca, pegou o raro Tarpão
Juarez José Rodrigues, mais conhecido como Juca, pegou o raro Tarpão

Nesta segunda-feira (29) o pescador de Cabo Frio, Juarez José Rodrigues, mais conhecido como Juca, pescador artesanal antigo na cidade e morador do tradicional bairro Passagem, pescou um raro peixe da espécie Tarpão (Megalops atlanticus) na Ponta do Carolina, próximo a Boca da Barra de Cabo Frio.

O peixe é de uma espécie costeira, encontrado em quase todo o litoral brasileiro, do norte do Espírito Santo até o Amapá. Mas a incidência dessa espécie no Estado do Rio de Janeiro é incomum, principalmente em Cabo Frio, como diz o Superintendente de Pesca e Aquicultura, Alexandre Marques:
“Esse é um peixe muito raro na nossa costa. Ele vive em cardume e deve ter se desgarrado. Aqui em Cabo Frio é muito difícil ele aparecer”, explicou o superintendente.
O pescador ficou surpreso quando viu que tinha fisgado um peixe tão raro, pois acreditava que nunca ia ver a espécie aqui na região.
“Eu levei um susto na hora. Nos meus 54 anos de vida como pescador eu nunca tinha pescado um Tarpão, e nunca tinha visto um. Eu estava pescando anchova, como é de costume. Aí veio essa surpresa na rede. Eu levei pra casa, limpei, e comi. Ele tem uma carne boa, parecida com a Tainha” – destaca ele.
De acordo com Eduardo Pimenta, Coordenador de Meio Ambiente, o Tarpão costumava ser visto com frequência nas águas quentes de Cabo Frio nas décadas entre de 1950 e 70, mas por conta da pesca predatória que vem sofrendo suas aparições se tornaram cada vez mais raras.
“O Tarpão era comum no passado mas atualmente não é mais. Os pescadores pegavam muito o Tarpão em Cabo Frio. Mas o peso e o tamanho desse exemplar pescado ontem estão abaixo do padrão, isso é reflexo da pesca predatória que ele vem sofrendo ao longo dos anos” – explica ele.
História
TarpA última vez que foi registrada a aparição de um Tarpão em Cabo Frio foi na década de 1950. O pescador, piloto e mergulhador Álvaro Varanda Filho pescou um exemplar de aproximadamente 70 Kg. O registro foi feito através das lentes caprichosas do fotógrafo Wolney Teixeira, que possui registros históricos de Cabo Frio em seu acervo. Essa foto se encontra em exposição no Espaço Cultural do Forte São Mateus. Não há registro de nenhum outro pescador que tenha capturado um Tarpão depois disso.
O Tarpão
O Tarpão é popularmente conhecido como Pirapema, Camurupim ou Tarpon. Pode atingir em média 2,5 metros, e pode chegar a pesar 130 Kg. É um peixe pelágico, ou seja, vive geralmente em cardumes e nadam livremente pela coluna de água. O peixe apresenta os aspectos gerais de uma grande sardinha. Suas escamas são bem grandes e estão firmemente implantadas ao corpo. Possui uma coloração prateada com o dorso variando entre o cinza azulado.e o preto. Em águas escuras pode ficar dourado ou até marrom.
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Últimas Notícias

IMUNIZAÇÃO

Búzios divulga calendário de 2° dose de reforço contra covid-19 para pessoas com 18 anos ou mais

PONTO DE APOIO

Região dos Lagos tem o primeiro ponto de apoio ao ciclista

Prolagos

Prolagos alerta sobre a importância de facilitar a leitura do hidrômetro

Novos horários

São Pedro da Aldeia passa a contar com nova frota de ônibus nesta terça (9)

Lazer na praia

Quatro praias de Búzios para levar crianças

Eleições 2022

Conheça os 12 candidatos à presidência da República