Menu

Cidades

O 9º caso de febre amarela do estado do Rio é de São Pedro da Aldeia

febre-amarela-sao-pedro-da-aldeia-renato-fulgoni
A Secretaria de Saúde de São Pedro da Aldeia afirmou em nota que segue em contato com o Estado, a fim de identificar quadro clínico, dados e unidade onde o paciente está recebendo devido tratamento. Vale destacar que não há nenhum caso confirmado de morador infectado no território de São Pedro da Aldeia. O município aguarda posição oficial do Estado e informa que permanecerá com as ações de imunização e cobertura em todo seu território com as doses que já foram disponibilizadas até o presente momento. A Saúde aldeense ainda afirma que permanece em vigilância total. Foto de Renato Fulgoni da vacinação contra febre amarela em São Pedro da Aldeia já em janeiro deste ano.

 

 

 O estado confirmou novos três casos, um em São Pedro da Aldeia e  mais dois em Casimiro de Abreu

O município de São Pedro da Aldeia é a terceira cidade com caso confirmado de Febre Amarela no estado do Rio de Janeiro. O Governo do Estado confirmou a informação na tarde desta quinta-feira (30). São mais três casos, sendo um em São Pedro e outros dois em Casimiro de Abreu. Em nota, o estado informou que o paciente em São Pedro da Aldeia contraiu a febre amarela em viagem à zona rural de Casimiro de Abreu. Ele está sendo atendido na Capital.

Sete dos casos de febre amarela são de Casimiro de Abreu, com uma morte. O outro caso foi na Cidade de São Fidélis, no Norte Fluminense. Os dois novos casos de Casimiro de Abreu, de acordo com a prefeitura, foram diagnosticados nesta quinta-feira (30), já receberam alta e estão sendo acompanhados de perto pela equipe do Hospital Municipal Ângela Maria Simões Menezes.
Os primeiros casos de febre amarela no Rio de Janeiro foram identificados em Casimiro de Abreu no dia 15 de março.  De acordo com a secretaria de saúde, todos contraídos na zona rural da cidade.  Um Hospital de Campanha chegou a ser montado e agilizou o atendimento em uma verdadeira corrida para imunizar todos os moradores.  Os casos de Casimiro de Abreu também levou o  governo a modificar a estratégia de imunização do estado o que levou a ter vacinação também na Região dos Lagos.

A febre amarela silvestre é transmitida por mosquitos (Haemagogus e Sabethes) que vivem nas matas e na beira dos rios, porém, o vírus é igual ao da febre amarela urbana, com os mesmos sintomas e evolução da doença.

https://prensadebabel.com.br/index.php/2017/03/27/mais-uma-caso-de-febre-amarela-confirmado-no-estado-do-rio-sao-fidelis-no-norte-fluminense/

O 9º caso de febre amarela do estado do Rio é de São Pedro da Aldeia

febre-amarela-sao-pedro-da-aldeia-renato-fulgoni
A Secretaria de Saúde de São Pedro da Aldeia afirmou em nota que segue em contato com o Estado, a fim de identificar quadro clínico, dados e unidade onde o paciente está recebendo devido tratamento. Vale destacar que não há nenhum caso confirmado de morador infectado no território de São Pedro da Aldeia. O município aguarda posição oficial do Estado e informa que permanecerá com as ações de imunização e cobertura em todo seu território com as doses que já foram disponibilizadas até o presente momento. A Saúde aldeense ainda afirma que permanece em vigilância total. Foto de Renato Fulgoni da vacinação contra febre amarela em São Pedro da Aldeia já em janeiro deste ano.

 

 

 O estado confirmou novos três casos, um em São Pedro da Aldeia e  mais dois em Casimiro de Abreu

O município de São Pedro da Aldeia é a terceira cidade com caso confirmado de Febre Amarela no estado do Rio de Janeiro. O Governo do Estado confirmou a informação na tarde desta quinta-feira (30). São mais três casos, sendo um em São Pedro e outros dois em Casimiro de Abreu. Em nota, o estado informou que o paciente em São Pedro da Aldeia contraiu a febre amarela em viagem à zona rural de Casimiro de Abreu. Ele está sendo atendido na Capital.

Sete dos casos de febre amarela são de Casimiro de Abreu, com uma morte. O outro caso foi na Cidade de São Fidélis, no Norte Fluminense. Os dois novos casos de Casimiro de Abreu, de acordo com a prefeitura, foram diagnosticados nesta quinta-feira (30), já receberam alta e estão sendo acompanhados de perto pela equipe do Hospital Municipal Ângela Maria Simões Menezes.
Os primeiros casos de febre amarela no Rio de Janeiro foram identificados em Casimiro de Abreu no dia 15 de março.  De acordo com a secretaria de saúde, todos contraídos na zona rural da cidade.  Um Hospital de Campanha chegou a ser montado e agilizou o atendimento em uma verdadeira corrida para imunizar todos os moradores.  Os casos de Casimiro de Abreu também levou o  governo a modificar a estratégia de imunização do estado o que levou a ter vacinação também na Região dos Lagos.

A febre amarela silvestre é transmitida por mosquitos (Haemagogus e Sabethes) que vivem nas matas e na beira dos rios, porém, o vírus é igual ao da febre amarela urbana, com os mesmos sintomas e evolução da doença.

https://prensadebabel.com.br/index.php/2017/03/27/mais-uma-caso-de-febre-amarela-confirmado-no-estado-do-rio-sao-fidelis-no-norte-fluminense/

NOTÍCIAS DE GRAÇA NO SEU CELULAR

A Prensa está sempre se adaptando às novas ferramentas de distribuição do conteúdo produzido pela nossa equipe de reportagem. Você pode receber nossas matérias através da comunidade criada nos canais de mensagens eletrônicas Whatsaap e Telegram. Basta clicar nos links e participar, é rápido e você fica por dentro do que rola na Região dos Lagos do Rio de Janeiro.

Faça parte da nossa comunidade no Whatsapp e Telegram:

Se você quer participar do nosso grupo, a gente vai te contar como vai ser agorinha mesmo. Se liga:

  • As nossas matérias chegam pra você a cada 1h, de segunda a sábado. Informações urgentes podem ser enviadas a qualquer momento.
  • Somente os administradores podem mandar os informes e realizar alterações no grupo. Além disso, estamos sempre monitorando quem são os participantes.
  • Caso tenha alguma dificuldade para acessar o link das matérias, basta adicionar o número (22) 99954-6926 na sua lista de contatos.

Nos ajude a crescer, siga nossas redes Sociais: Facebook, Instagram, Twitter e Tik Tok e Youtube

Veja Também

Bell Marques lança “100% Você”, empresa de suplementação

Portalmad Portas e Janelas investe em madeira sustentável

Lances para leilões on-line de bens de apartamentos decorados estão abertos

Piscinas devem ter uso consciente da água, diz especialista

Coluna da Angela

A reprodução parcial deste conteúdo por veículos de comunicação é permitida desde que contenha crédito à Prensa de Babel na abertura do
texto, bem como LINK para o site "www.prensadebabel.com.br"
A supressão da fonte pode implicar em medidas de acordo com a lei de direitos autorais.