Motivo de força maior

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

*Rafael Alvarenga

 

rafael-alvarenga
Rafael filosofo do futebol

O desastre que matou jogadores e membros da comissão técnica da Chapecoense-SC além de profissionais da imprensa e convidados do Clube impressionou a todos. O avião caiu na Colômbia, numa região montanhosa, no dia 29 de novembro. A equipe brasileira disputaria a final da Copa Sul-Americana contra o Atlético Nacional-CO. Mas o desastre pôs fim ao campeonato continental sem bola e tampouco alegria.

Sem dúvida, o fato atinge diretamente a última rodada do Campeonato Brasileiro de futebol. Não há motivos para a ocorrência de tantos jogos no dia 11 de dezembro, exceto daqueles que ainda definem alguma coisa na tabela. É o caso de Atlético-PR, Botafogo, Corinthians, Vitória, Sport e Internacional. Equipes que lutam por uma vaga na Copa Libertadores ou para não serem rebaixadas para a 2ª Divisão.

Os jogos que não envolvem esses clubes não deveriam ser realizados. Se alguém comprou ingresso com antecedência que seja ressarcido. E que o futebol e a Chapecoense tenham tempo para recomeçarem em 2017.

Entretanto, creio que o maior obstáculo para a concretização dessa ideia é a grande mídia. Será que ela e seus mandatários se comoveram o suficiente – como dizem – para abrir mão do lucro com audiência e comerciais?

A grande mídia tantas vezes me parece um feroz abutre. E, desta vez, falam do trágico acidente porque devem informar, mas o fazem de uma maneira que esconde as mazelas políticas e econômicas que se desenrolam no país.

Afirmo que o acidente com a Chapecoense deve ser lembrado. No entanto jamais usado como cortina. Se a grande mídia é mesmo tão altruísta que rescinda contratos, que abra mão de audiências e comerciais e vote pelo fim de um campeonato que perdeu tantas vidas e tanto verde.

 

*Rafael é escritor e professor de filosofia.

 

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Últimas Notícias

FESTA RELIGIOSA

Tamoios, em Cabo Frio, comemora o dia de São Pedro e São Paulo com festa religiosa, atrações e quadrilha junina

É TETRA

Filipe Toledo é tetracampeão no Rio Pro, em Saquarema

SAÚDE EM PAUTA

Prefeitos da Região dos Lagos participam do Primeiro Fórum dos Consórcios de Saúde do Estado do Rio de Janeiro 

RESGATE DA HISTÓRIA

Espaço Cultural Zanine abre exposição “Heróis do Mar”

RECONHECIMENTO

Psiquiatra Nise da Silveira pode entrar para livro de heróis e heroínas do estado do Rio

Macaé abre inscrição para instituições que desejam participar do desfile cívico