Menu

Cidades

Morador de Búzios denúncia buraco obstruindo via e impedindo a circulação de veículos

O buraco é na Rua Hilda Campo Fiorito no bairro Ferradura
Reprodução

O morador do bairro Ferradura, em Búzios, Marcelo Venâncio, denunciou à Prensa a existência de um buraco que está impedindo a passagem de veículos na rua Hilda Campo Fiorito, antiga Rua H, onde reside. Marcelo conta que o buraco surgiu no local há três semanas e que mesmo após fazer contato com a Prefeitura, o problema ainda não foi resolvido.

Segundo o morador, o problema foi ocasionado depois que um cano de água da Prolagos que se rompeu há três meses e gerou um vazamento no local que durou por cerca de um mês. Após muitas solicitações de reparo, a Prolagos foi até o local e realizou o conserto do cano. Mas há três semanas o solo começou a ceder e um buraco se abriu. Os moradores acreditam que devido à má instalação e erosão do piso, agravada pela passagem de caminhões pesados e as chuvas.

Além da Prefeitura, Marcelo afirmou já ter entrado em contato com a Prolagos e também não obteve sucesso. A Prensa entrou em contato com a Prolagos que enviou uma nota afirmando que uma equipe será enviada ao local na manhã desta quarta-feira (3) para verificar o caso. A reportagem também fez contato com a Prefeitura de Búzios que, até a publicação desta matéria, não respondeu.

Morador de Búzios denúncia buraco obstruindo via e impedindo a circulação de veículos

O buraco é na Rua Hilda Campo Fiorito no bairro Ferradura
Reprodução

O morador do bairro Ferradura, em Búzios, Marcelo Venâncio, denunciou à Prensa a existência de um buraco que está impedindo a passagem de veículos na rua Hilda Campo Fiorito, antiga Rua H, onde reside. Marcelo conta que o buraco surgiu no local há três semanas e que mesmo após fazer contato com a Prefeitura, o problema ainda não foi resolvido.

Segundo o morador, o problema foi ocasionado depois que um cano de água da Prolagos que se rompeu há três meses e gerou um vazamento no local que durou por cerca de um mês. Após muitas solicitações de reparo, a Prolagos foi até o local e realizou o conserto do cano. Mas há três semanas o solo começou a ceder e um buraco se abriu. Os moradores acreditam que devido à má instalação e erosão do piso, agravada pela passagem de caminhões pesados e as chuvas.

Além da Prefeitura, Marcelo afirmou já ter entrado em contato com a Prolagos e também não obteve sucesso. A Prensa entrou em contato com a Prolagos que enviou uma nota afirmando que uma equipe será enviada ao local na manhã desta quarta-feira (3) para verificar o caso. A reportagem também fez contato com a Prefeitura de Búzios que, até a publicação desta matéria, não respondeu.

NOTÍCIAS DE GRAÇA NO SEU CELULAR

A Prensa está sempre se adaptando às novas ferramentas de distribuição do conteúdo produzido pela nossa equipe de reportagem. Você pode receber nossas matérias através da comunidade criada nos canais de mensagens eletrônicas Whatsaap e Telegram. Basta clicar nos links e participar, é rápido e você fica por dentro do que rola na Região dos Lagos do Rio de Janeiro.

Faça parte da nossa comunidade no Whatsapp e Telegram:

Se você quer participar do nosso grupo, a gente vai te contar como vai ser agorinha mesmo. Se liga:

  • As nossas matérias chegam pra você a cada 1h, de segunda a sábado. Informações urgentes podem ser enviadas a qualquer momento.
  • Somente os administradores podem mandar os informes e realizar alterações no grupo. Além disso, estamos sempre monitorando quem são os participantes.
  • Caso tenha alguma dificuldade para acessar o link das matérias, basta adicionar o número (22) 99954-6926 na sua lista de contatos.

Nos ajude a crescer, siga nossas redes Sociais: Facebook, Instagram, Twitter e Tik Tok e Youtube

Veja Também

CBA realiza a 3ª etapa do Campeonato Brasileiro de Arrancada em Uberlândia-MG

ONG impacta 5 mil crianças e adolescentes pelo esporte em 27 cidades no país

MPD inicia obras do Trinity: residencial em São Paulo

MSS Experience: Evento de milhas e viagens aterriza em SP

Coluna da Angela

A reprodução parcial deste conteúdo por veículos de comunicação é permitida desde que contenha crédito à Prensa de Babel na abertura do
texto, bem como LINK para o site "www.prensadebabel.com.br"
A supressão da fonte pode implicar em medidas de acordo com a lei de direitos autorais.