Menu

Cidades

Mangue de pedras sob ataque especulativo

whatsapp-image-2017-03-30-at-11-44-18

Confira na galeria acima  fotos feitas nessa semana 

Ativistas e moradores denunciam que  há quarenta dias consecutivos o Mangue de Pedras, localizado entre a praia da Rasa e Praia de Manguinhos, em Búzios, está sob ataque da especulação imobiliária.

Todo o entorno do Morro coberto de vegetação de mata atlântica que protege e circunda o bioma vem sendo desmatado e incendiado aparentemente para a  construção de loteamentos. Alguns trechos foram registrados inclusive terraplanagem mecanizada com tratores de empreiteiras.

Moradores e Militantes ambientais denunciaram inicialmente ao Poder Executivo, e afirmam que não tiveram registro e nem procedimentos! Denunciaram então ao Ministério Público.

Nesta semana por decisão judicial foram contidas as invasões, desmatamentos e instaurado um inquérito policial para apurar responsabilidades de todos os envolvidos.

O Ministério Público está centralizando as investigações.

Todos os órgãos de governo das esferas federal, estadual, municipal foram oficiados a exercerem seu poder de polícia para conter imediatamente a degradação provocada pela especulação imobiliária. Ao que parece não importa o tamanho ou porte, qualquer construção e loteamento no entorno do Mangue serão criminalizados pela legislação ambiental.

Todo o entorno do Mangue é Area de Proteção Permanente (APP), constituído de vegetação endêmica e ameaçada de extinção além do aquífero subterrâneo, portanto TODA A GEOGRAFIA É PROTEGIDA POR LEI, NÃO PODE CONSTRUIR, qualquer empreendimento no entorno do local estaria  sujeito a severas restrições.

Ambientalistas estão propondo a criação de uma Unidade de Conservação Estadual.

O Prensa de Babel segue na apuração dos fatos e em busca de mais informações sobre a denúncia.

https://prensadebabel.com.br/index.php/2017/03/08/moradores-denunciam-queimadas-em-torno-do-mangue-de-pedra/

NOTÍCIAS DE GRAÇA NO SEU CELULAR

A Prensa está sempre se adaptando às novas ferramentas de distribuição do conteúdo produzido pela nossa equipe de reportagem. Você pode receber nossas matérias através da comunidade criada nos canais de mensagens eletrônicas Whatsaap e Telegram. Basta clicar nos links e participar, é rápido e você fica por dentro do que rola na Região dos Lagos do Rio de Janeiro.

Faça parte da nossa comunidade no Whatsapp e Telegram:

Se você quer participar do nosso grupo, a gente vai te contar como vai ser agorinha mesmo. Se liga:

  • As nossas matérias chegam pra você a cada 1h, de segunda a sábado. Informações urgentes podem ser enviadas a qualquer momento.
  • Somente os administradores podem mandar os informes e realizar alterações no grupo. Além disso, estamos sempre monitorando quem são os participantes.
  • Caso tenha alguma dificuldade para acessar o link das matérias, basta adicionar o número (22) 99954-6926 na sua lista de contatos.

Nos ajude a crescer, siga nossas redes Sociais: Facebook, Instagram, Twitter e Tik Tok e Youtube

Veja Também

Grupo Bz promove rifa solidária em apoio às vítmas das chuvas no Rio Grande do Sul

Morador de Manguinhos denuncia vazamento de água

Escola de Artes e Ofícios Zanine em Búzios promove Experiências Criativas para Adultos

Búzios promove terceiro encontro do Seminário Abolição da Escravatura