Menu

Cidades

whatsapp-image-2017-01-03-at-10-05-03

Por Sandro Peixoto

whatsapp-image-2017-01-03-at-10-05-41A nova legislatura que se iniciou esta semana tem algumas peculiaridades. Aos olhos da lei e da ordem, apenas nove vereadores foram eleitos mas na verdade, treze pessoas irão comandar a câmara. Ninguém tem dúvida que a vereadora Gladys pouco irá decidir sobre qualquer coisa. Será seu marido, o ex-vereador Evandro o verdadeiro edil. Mesma coisa acontecerá com Valmir Nobre cujo mandato pertence ao seu filho Junior. Já o Josué fará apenas o que Leandro deixar. Miguel Pereira também ficará sob as ordens do filho e Dida Gabarito sentará na cadeira mas o comando será do irmão Aziel, que já foi vereador.

Essa será com certeza uma das piores câmaras da nossa história. Um amigo buziano que está fora do Brasil em viagem de férias, ao ver no Prensa de Babel a  composição da Presidência e da Mesa Diretora exclamou: que gente bisonha! Retruquei afirmando que aquilo é a representação da sociedade buziana. Aquilo, é o que temos de melhor no meio político. Ao menos foi assim que a sociedade entendeu ao escolhe-los.

Não Pode ser!- voltou a exclamar meu amigo.

– Cadê os esclarecidos da cidade?-

– Os esclarecidos não querem fazer parte daquela josta- tentei lhe explicar.

A verdade é que a sociedade mais elevada culturalmente não curte política. Gosta de mandar de outra maneira. Elegendo paus mandados. Financiando campanhas. Eles não querem sujar as mãos.Deixa que a ralé o faça por eles. Fazer política no Brasil é meter literalmente a mão na merda. Não é para quem tem estomago fraco. Enfim: os novos vereadores serão no máximo, mais do mesmo e veremos Zé do Caixão, ops, digo Walmir Nobre com as mesmas praticas políticas de sempre na base do fisiologismo; Gladys gritando como uma louca se fazendo de oposição quando no fundo sempre tentará fazer parte da base do governo( André que não seja louco de aceitar); Miguel Pereira e Niltinho Braga perdidos sem saber o que fazer; Josué na mesma e Dida Gabarito pregando a Bíblia a cada pronunciamento. Acredito que apenas Joyce, pela experiência, e Cacalho, por sua sobriedade, possam fazer um mandato acima da média.

Do restante pouco devemos esperar. Seria até covardia cobrar muito de quem não tem nada para dar.

https://prensadebabel.com.br/index.php/2017/01/01/o-novato-cacalho-e-o-presidente-da-camara-de-buzios/

 

Mais do mesmo

whatsapp-image-2017-01-03-at-10-05-03

Por Sandro Peixoto

whatsapp-image-2017-01-03-at-10-05-41A nova legislatura que se iniciou esta semana tem algumas peculiaridades. Aos olhos da lei e da ordem, apenas nove vereadores foram eleitos mas na verdade, treze pessoas irão comandar a câmara. Ninguém tem dúvida que a vereadora Gladys pouco irá decidir sobre qualquer coisa. Será seu marido, o ex-vereador Evandro o verdadeiro edil. Mesma coisa acontecerá com Valmir Nobre cujo mandato pertence ao seu filho Junior. Já o Josué fará apenas o que Leandro deixar. Miguel Pereira também ficará sob as ordens do filho e Dida Gabarito sentará na cadeira mas o comando será do irmão Aziel, que já foi vereador.

Essa será com certeza uma das piores câmaras da nossa história. Um amigo buziano que está fora do Brasil em viagem de férias, ao ver no Prensa de Babel a  composição da Presidência e da Mesa Diretora exclamou: que gente bisonha! Retruquei afirmando que aquilo é a representação da sociedade buziana. Aquilo, é o que temos de melhor no meio político. Ao menos foi assim que a sociedade entendeu ao escolhe-los.

Não Pode ser!- voltou a exclamar meu amigo.

– Cadê os esclarecidos da cidade?-

– Os esclarecidos não querem fazer parte daquela josta- tentei lhe explicar.

A verdade é que a sociedade mais elevada culturalmente não curte política. Gosta de mandar de outra maneira. Elegendo paus mandados. Financiando campanhas. Eles não querem sujar as mãos.Deixa que a ralé o faça por eles. Fazer política no Brasil é meter literalmente a mão na merda. Não é para quem tem estomago fraco. Enfim: os novos vereadores serão no máximo, mais do mesmo e veremos Zé do Caixão, ops, digo Walmir Nobre com as mesmas praticas políticas de sempre na base do fisiologismo; Gladys gritando como uma louca se fazendo de oposição quando no fundo sempre tentará fazer parte da base do governo( André que não seja louco de aceitar); Miguel Pereira e Niltinho Braga perdidos sem saber o que fazer; Josué na mesma e Dida Gabarito pregando a Bíblia a cada pronunciamento. Acredito que apenas Joyce, pela experiência, e Cacalho, por sua sobriedade, possam fazer um mandato acima da média.

Do restante pouco devemos esperar. Seria até covardia cobrar muito de quem não tem nada para dar.

https://prensadebabel.com.br/index.php/2017/01/01/o-novato-cacalho-e-o-presidente-da-camara-de-buzios/

 

NOTÍCIAS DE GRAÇA NO SEU CELULAR

A Prensa está sempre se adaptando às novas ferramentas de distribuição do conteúdo produzido pela nossa equipe de reportagem. Você pode receber nossas matérias através da comunidade criada nos canais de mensagens eletrônicas Whatsaap e Telegram. Basta clicar nos links e participar, é rápido e você fica por dentro do que rola na Região dos Lagos do Rio de Janeiro.

Faça parte da nossa comunidade no Whatsapp e Telegram:

Se você quer participar do nosso grupo, a gente vai te contar como vai ser agorinha mesmo. Se liga:

  • As nossas matérias chegam pra você a cada 1h, de segunda a sábado. Informações urgentes podem ser enviadas a qualquer momento.
  • Somente os administradores podem mandar os informes e realizar alterações no grupo. Além disso, estamos sempre monitorando quem são os participantes.
  • Caso tenha alguma dificuldade para acessar o link das matérias, basta adicionar o número (22) 99954-6926 na sua lista de contatos.

Nos ajude a crescer, siga nossas redes Sociais: Facebook, Instagram, Twitter e Tik Tok e Youtube

Veja Também

Ortopedistas alertam sobre os perigos de quedas para idosos

Cancelamentos de planos coletivos geram alerta nacional

Taxa de Absenteísmo alta traz prejuízos em empresas

Medicamento mais estudado do mundo celebra 125 anos

Coluna da Angela

A reprodução parcial deste conteúdo por veículos de comunicação é permitida desde que contenha crédito à Prensa de Babel na abertura do
texto, bem como LINK para o site "www.prensadebabel.com.br"
A supressão da fonte pode implicar em medidas de acordo com a lei de direitos autorais.