Macaé decide vacinar profissionais da Educação contra a Covid-19

A partir do próximo dia 9, o calendário prevê a aplicação da primeira dose para os profissionais da Educação que atuam em creches, com idade de 59 anos

PROLAGOS 300_250_pix

Uma nova etapa na vacinação contra a Covid-19 será iniciada em Macaé na próxima semana. Além dos grupos prioritários já contemplados na campanha contra o vírus, o calendário vai passar a incluir também os profissionais da Educação das redes pública e privada.

De acordo com entendimento firmado nesta segunda-feira (31) entre o prefeito Welberth Rezende e o Ministério Público Estadual (MPE), o município realizará no próximo dia 9 a aplicação da primeira dose para os profissionais da Educação que atuam em creches com idade de 59 anos.

O calendário definido junto a equipe da Secretaria municipal de Saúde segue os mesmos critérios de faixa etária, cumpridos também os grupos de Comorbidades e de deficiências permanentes.

A equipe da Saúde dará seguimento ao calendário de vacinação do grupo de comorbidades, pessoas com deficiências permanentes, moradores em situação de rua e incluirá os profissionais de educação.“A vacinação ocorre de acordo com as orientações e o número de doses disponibilizadas pelo governo do Estado. Já solicitamos à Secretaria estadual de Saúde o envio de mais doses de vacinas para que possamos imunizar mais pessoas na nossa cidade”, afirmou o Secretário adjunto de Atenção Básica, Luiz Carlos Braga.

A Saúde definirá também nos próximos dias o calendário de vacinação contra a Covid-19 para população geral por faixa etária.

Educação

A vacinação dos profissionais de Educação seguirá também critérios já adotados pelo município na imunização de profissionais de outras áreas, exigindo documentos que comprovem o vínculo ativo de trabalho nas unidades de ensino (creches e pré-escola), declaração do responsável pela unidade, além de comprovante de residência com endereço de Macaé, CPF ou Cartão do SUS.

PRENSA 970X250 GOOGLE CONTEMPLADO INTERTEXTO BARRA
Comentários