Menu

Cidades

[Opinião] Hospital não é Shopping

Eduardo Almeida é advogado, foi delegado da polícia federal. tem o titulo de cidadão buziano e agora a honraria Sobral Pinto, escreveu para o Jornal Primeira Hora e Perú Molhado. Hoje é super colunista do Prensa de Babe
Eduardo Almeida é advogado, foi delegado da polícia federal. tem o titulo de cidadão buziano e agora a honraria Sobral Pinto, escreveu para o Jornal Primeira Hora e Perú Molhado. Hoje é super colunista do Prensa de Babe

por Eduardo Almeida

eduardo-almeidaEu fui ao Hospital Rodolfo Perissé uma única vez, visitar o Marcelo Lartigue.
O nome do Hospital,  se deve a um médico da pesada, diretor por muito tempo do Hospital Miguel Couto, pai do Rodolfo.
Eu nunca fui me consultar mas tive dezenas de caseiros e sempre via que eles iam ao hospital toda hora.
Eu dizia a eles: cacete, vocês são mais novos do  que eu, são mais saudáveis do que eu, o que vocês vão tanto ao hospital?
Eles diziam: to com uma dor aqui, uma pontada ali. A dor andava, cada semana em um lugar. E não é que faziam isso para não trabalharem na minha casa, iam muitas vezes nos fins de semana ao hospital.
Aí eu ficava sabendo e perguntava: o que aconteceu?  foram fazer o que no hospital? E respondiam: estávamos com suspeita de gripe e fomos tomar um soro básico e fazer uma nebulização. Outras vezes iam depois do trabalho fazer uma consultinha, era como se fossem a um programinha : tomar um drinque, era como uma ida ao Shopping ver um filme, comer uma pizza e tomar um chopp.
No hospital ficavam na fila, batiam papo, falavam de tudo, riam, viam TV em grupo, tomavam cafezinho, água
geladinha,  tiravam fotos selfie e enviam para o facebook mas na hora da consulta, a dor aparecia, o lamento, trocavam o riso pelo aiai, uiui. Uma oscultada básica, um termômetro, uma vacina e se dessem sorte uma internação de um dia. Seria o Máximo. Parece sacanagem essa matéria, mas é serio, o pessoal esta indo muito ao Hospital. O hospital é para emergências, não é para tosse, espirro, gripe e febrículas. A qualquer sintoma vão direto para a  emergência do hospital.

A crise aumentou os problemas  e essas histórias que estava contando tem de acabar. Chega do acho que estou gripado, o tomar um sorinho.   Hospital é coisa séria e cara, nele devem ser feitas unicamente as internações. Bater papo e ver televisão, de preferencia em casa, mas se não der, vão para os postos de saúde.
Se estiverem precisando de emergência hospitalar, a ambulância leva vocês para lá com sirene e tudo mais.

Eduardo Almeida é presidente da Comissão de Segurança Publica da OAB/Búzios, vice presidente da Comissão contra crimes aos homo afetivos, e vice presidente do Conselho Municipal de Segurança Publica

* Eduardo é Presidente da Comissão de Segurança Publica da OAB/Búzios e
Vice Presidente do Conselho Comunitário de Segurança Publica

https://prensadebabel.com.br/index.php/2016/11/24/prefeitura-de-buzios-afirma-que-hospital-rodolpho-perrise-nao-esta-fechado/

NOTÍCIAS DE GRAÇA NO SEU CELULAR

A Prensa está sempre se adaptando às novas ferramentas de distribuição do conteúdo produzido pela nossa equipe de reportagem. Você pode receber nossas matérias através da comunidade criada nos canais de mensagens eletrônicas Whatsaap e Telegram. Basta clicar nos links e participar, é rápido e você fica por dentro do que rola na Região dos Lagos do Rio de Janeiro.

Faça parte da nossa comunidade no Whatsapp e Telegram:

Se você quer participar do nosso grupo, a gente vai te contar como vai ser agorinha mesmo. Se liga:

  • As nossas matérias chegam pra você a cada 1h, de segunda a sábado. Informações urgentes podem ser enviadas a qualquer momento.
  • Somente os administradores podem mandar os informes e realizar alterações no grupo. Além disso, estamos sempre monitorando quem são os participantes.
  • Caso tenha alguma dificuldade para acessar o link das matérias, basta adicionar o número (22) 99954-6926 na sua lista de contatos.

Nos ajude a crescer, siga nossas redes Sociais: Facebook, Instagram, Twitter e Tik Tok e Youtube

Veja Também

Búzios é finalista no prêmio Melhores do ano da gastronomia 2024

Búzios recebe o 3º Encontro de Numismática de 24 a 25 de maio

Agenda cultural do fim de semana na Região dos Lagos

Casa da Mulher Buziana já tem prédio próprio