Fazenda Campos Novos será apresentada como referência da cultura afro-brasileira

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email
Proposta será exposta durante a 27ª edição da Semana Teixeira e Sousa
Foto: Ernesto Galiotto
A Comissão da Verdade sobre a Escravidão no Brasil e lideranças quilombolas vão apresentar, durante a 27ª edição da Semana Teixeira e Sousa, a proposta para tornar a Fazenda Campos Novos, no Segundo Distrito, referência da cultura afro- brasileira. A apresentação será na terça-feira (28), às 11h30. O local foi escolhido devido à existência de cinco comunidades quilombolas no seu entorno.
Em Cabo Frio existem os quilombos Espírito Santo, Maria Romana, Botafogo, Preto Forro e Maria Joaquina. Essas comunidades são formadas por descendentes de africanos escravizados que lutam pela preservação de sua cultura e a garantia de seus direitos. Nelas vivem aproximadamente 100 famílias em cada comunidade, que somam cerca de quatro mil pessoas.
“As comunidades representam a nossa história e memória viva, através dos mais velhos que detêm muitas das tradições e heranças ancestrais. Como guardiãs de saberes e fazeres dos povos africanos, elas possuem valor inestimável à construção de uma sociedade que respeita sua diversidade e pluralidade étnica”, disse o coordenador geral da Semana Teixeira e Sousa, João Felix.
A Fazenda Campos Novos está no centro dessas comunidades. Ela foi construída em 1690 pelos jesuítas e abriga um conjunto arquitetônico composto por casa-grande, igreja e cemitério. Atualmente, a fazenda é usada como sede da Secretaria de Agricultura e também abriga o Canil Municipal.
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Últimas Notícias

FESTA RELIGIOSA

Tamoios, em Cabo Frio, comemora o dia de São Pedro e São Paulo com festa religiosa, atrações e quadrilha junina

É TETRA

Filipe Toledo é tetracampeão no Rio Pro, em Saquarema

SAÚDE EM PAUTA

Prefeitos da Região dos Lagos participam do Primeiro Fórum dos Consórcios de Saúde do Estado do Rio de Janeiro 

RESGATE DA HISTÓRIA

Espaço Cultural Zanine abre exposição “Heróis do Mar”

RECONHECIMENTO

Psiquiatra Nise da Silveira pode entrar para livro de heróis e heroínas do estado do Rio

Macaé abre inscrição para instituições que desejam participar do desfile cívico