Falta de entrega interrompe vacinação contra a Covid-19 em Maricá

Motivo é o recebimento insuficiente de doses e frascos com quantidade menor que 10 volumes. Vacinação será retomada assim que o município receber novas unidades

A Prefeitura de Maricá confirmou que, a partir desta quinta-feira (22), a vacinação contra a Covid-19 será interrompida no município. De acordo com o governo municipal, o motivo da pausa é o não recebimento de novas doses de vacina pelo Ministério da Saúde (MS), quanto da entrega sistemática de volumes abaixo da necessidade real da cidade.

Segundo o órgão, além de a quantidade recebida ser insuficiente para imunizar a população dentro do estabelecido pelo Plano Nacional de Imunização (PNI), os frascos com quantidade menor da vacina registraram mais perdas do que o esperado. A situação já foi comunicada à Secretaria Estadual de Saúde (SES).

A possibilidade de suspensão já havia levado a Prefeitura a abrir uma ação judicial, nesta terça-feira (20), contra a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), com o intuito de obrigar o órgão a retirar os entraves para a aquisição da vacina russa Sputnik V. Maricá comprou 500 mil doses do imunizante.

A vacinação tem previsão de retomada assim que o município receber novas doses, seguindo o calendário já divulgado, com o adiamento das datas que serão atualizadas.

Ao final de março, o Ministério da Saúde antecipou a vacinação do grupo prioritário “Forças de Segurança” para a primeira fase de vacinação e atribuiu aos municípios a responsabilidade de imunizar 18% das forças de segurança municipais: Guarda Municipal e Defesa Civil Municipal. O MS também determinou a data de início da segunda fase da vacinação, que abrange as pessoas com comorbidades para a próxima segunda-feira (26/04).

O município de Maricá relata que os frascos de vacina, principalmente os destinados à 2ª dose e que deveriam conter 10 doses, passaram a não vir com o volume suficiente.

“Até a última terça-feira (20), a Secretaria Municipal de Saúde de Maricá já contabilizava cerca de 1.670 doses perdidas, ultrapassando a previsão inicial de 5% de perdas aceitáveis”, explica a Prefeitura.

A Prensa questionou a Secretaria Estadual de Saúde (SES) e aguarda respostas.

PRENSA 970X250 GOOGLE CONTEMPLADO INTERTEXTO BARRA
Comentários

Windows Lizenz Windows 10 Lizenz Office 2019 Lizenz Kaufen Office 365 kaufen Windows 10 Home kaufen Office 2016 kaufen lisans satın al office 2019 satın al follower kaufen instagram follower kaufen porno