Menu

Cidades

Cientista Janis Roze homenageado em descoberta de nova espécie de cobra coral

Estudo revela contribuição do biólogo letão que é figura central para a existência da APA do Pau Brasil em Búzios e para ciência e conservação da biodiversidade em nível mundial
Janis Roze em palestra no Gran Cine Bardot, em Búzios, na ocasião do lançamento do livro com o Estudo Pau Brasil Búzios, em 2021 - Foto Prensa de Babel
Janis Roze em palestra no Gran Cine Bardot, em Búzios, na ocasião do lançamento do livro com o Estudo Pau Brasil Búzios, em 2021 - Foto Prensa de Babel

Uma nova espécie de cobra coral descoberta no Brasil recebeu o nome Micrurus janisrozei em homenagem ao biólogo Janis Roze, figura proeminente na área da ciência e conservação ambiental em todo o mundo. Seus estudo e dedicação voluntária o levaram a descoberta de um bosque nativo de Pau Brasil em Búzios e colaborou para a preservação do local que hoje é uma Área de Proteção Ambiental (APA).  A pesquisa, conduzida por uma equipe do Museu Paraense Emílio Goeldi (MPEG) e da Pontifícia Universidade Católica de Goiás, destaca o papel fundamental de Roze na identificação e preservação da fauna brasileira. As informações sobre o estudo foram dadas em primeira mão em matéria de Giovanna Adelle no G1.

Micrurus janisrozei, terceira espécie descoberta pelos cientistas — Foto: Willianilson Pessoa da Silva

Janis Roze, radicado em Nova York e com uma história notável de dedicação à pesquisa científica e à preservação ambiental no mundo, é reconhecido como uma das maiores autoridades em estudos sobre cobras corais e suas interações com o ecossistema. Sua contribuição para a descoberta dessa nova espécie não apenas enriquece o conhecimento sobre a biodiversidade brasileira, mas também ressalta sua influência duradoura na comunidade científica internacional.

A espécie Micrurus janisrozei, encontrada em biomas do Nordeste brasileiro, representa um marco na história da herpetologia, oferecendo insights valiosos sobre a ecologia e a distribuição geográfica dessas serpentes venenosas. A nomeação da espécie em homenagem a Janis Roze reconhece não apenas suas contribuições para a ciência, mas também seu compromisso de longa data com a conservação da natureza.

Diferenças morfológicas entre as espécies recém-descobertas e M. ibiboboca — Foto: Integrative taxonomy of Micrurus ibiboboca reveals three new species of coral snake

Aos 98 anos de idade, Janis Roze continua a inspirar gerações de cientistas e defensores ambientais, demonstrando que o conhecimento e a paixão pelo meio ambiente transcendem fronteiras e gerações. Sua presença em Búzios este ano, para palestrar sobre o tema que também move de a juventude sua vida, a espiritualidade, oportuniza que ele, que já foi agraciado com o título de cidadão buziano, possa voltar a ser homenageado na cidade pelo legado sem precedentes que deixa  em vida, além de seu papel vital na proteção da biodiversidade global.

O artigo com as novas espécies descritas foi liderado por Lywouty Nascimento e teve colaboração de Roberta Graboski (Tel Aviv University), Nelson Jorge da Silva Jr (PUC-GO) e Ana Lucia da Costa Prudente (MPEG). O estudo publicado na revista Systematics and Biodiversity, em 5 de abril, identificou, além da  Micrurus janisrozei , a Micrurus anibal  e a Micrurus bonita a partir de análises de populações de Micrurus ibiboboca, a cobra-coral-da-caatinga. A segunda espécie tem nome em homenagem a Anibal R. M. Gimenez, e a terceira presta tributo à figura de Maria Bonita, primeira cangaceira brasileira e companheira de Virgulino Ferreira da Silva, vulgo Lampião.

Cientista Janis Roze homenageado em descoberta de nova espécie de cobra coral

Estudo revela contribuição do biólogo letão que é figura central para a existência da APA do Pau Brasil em Búzios e para ciência e conservação da biodiversidade em nível mundial
Janis Roze em palestra no Gran Cine Bardot, em Búzios, na ocasião do lançamento do livro com o Estudo Pau Brasil Búzios, em 2021 - Foto Prensa de Babel
Janis Roze em palestra no Gran Cine Bardot, em Búzios, na ocasião do lançamento do livro com o Estudo Pau Brasil Búzios, em 2021 - Foto Prensa de Babel

Uma nova espécie de cobra coral descoberta no Brasil recebeu o nome Micrurus janisrozei em homenagem ao biólogo Janis Roze, figura proeminente na área da ciência e conservação ambiental em todo o mundo. Seus estudo e dedicação voluntária o levaram a descoberta de um bosque nativo de Pau Brasil em Búzios e colaborou para a preservação do local que hoje é uma Área de Proteção Ambiental (APA).  A pesquisa, conduzida por uma equipe do Museu Paraense Emílio Goeldi (MPEG) e da Pontifícia Universidade Católica de Goiás, destaca o papel fundamental de Roze na identificação e preservação da fauna brasileira. As informações sobre o estudo foram dadas em primeira mão em matéria de Giovanna Adelle no G1.

Micrurus janisrozei, terceira espécie descoberta pelos cientistas — Foto: Willianilson Pessoa da Silva

Janis Roze, radicado em Nova York e com uma história notável de dedicação à pesquisa científica e à preservação ambiental no mundo, é reconhecido como uma das maiores autoridades em estudos sobre cobras corais e suas interações com o ecossistema. Sua contribuição para a descoberta dessa nova espécie não apenas enriquece o conhecimento sobre a biodiversidade brasileira, mas também ressalta sua influência duradoura na comunidade científica internacional.

A espécie Micrurus janisrozei, encontrada em biomas do Nordeste brasileiro, representa um marco na história da herpetologia, oferecendo insights valiosos sobre a ecologia e a distribuição geográfica dessas serpentes venenosas. A nomeação da espécie em homenagem a Janis Roze reconhece não apenas suas contribuições para a ciência, mas também seu compromisso de longa data com a conservação da natureza.

Diferenças morfológicas entre as espécies recém-descobertas e M. ibiboboca — Foto: Integrative taxonomy of Micrurus ibiboboca reveals three new species of coral snake

Aos 98 anos de idade, Janis Roze continua a inspirar gerações de cientistas e defensores ambientais, demonstrando que o conhecimento e a paixão pelo meio ambiente transcendem fronteiras e gerações. Sua presença em Búzios este ano, para palestrar sobre o tema que também move de a juventude sua vida, a espiritualidade, oportuniza que ele, que já foi agraciado com o título de cidadão buziano, possa voltar a ser homenageado na cidade pelo legado sem precedentes que deixa  em vida, além de seu papel vital na proteção da biodiversidade global.

O artigo com as novas espécies descritas foi liderado por Lywouty Nascimento e teve colaboração de Roberta Graboski (Tel Aviv University), Nelson Jorge da Silva Jr (PUC-GO) e Ana Lucia da Costa Prudente (MPEG). O estudo publicado na revista Systematics and Biodiversity, em 5 de abril, identificou, além da  Micrurus janisrozei , a Micrurus anibal  e a Micrurus bonita a partir de análises de populações de Micrurus ibiboboca, a cobra-coral-da-caatinga. A segunda espécie tem nome em homenagem a Anibal R. M. Gimenez, e a terceira presta tributo à figura de Maria Bonita, primeira cangaceira brasileira e companheira de Virgulino Ferreira da Silva, vulgo Lampião.

NOTÍCIAS DE GRAÇA NO SEU CELULAR

A Prensa está sempre se adaptando às novas ferramentas de distribuição do conteúdo produzido pela nossa equipe de reportagem. Você pode receber nossas matérias através da comunidade criada nos canais de mensagens eletrônicas Whatsaap e Telegram. Basta clicar nos links e participar, é rápido e você fica por dentro do que rola na Região dos Lagos do Rio de Janeiro.

Faça parte da nossa comunidade no Whatsapp e Telegram:

Se você quer participar do nosso grupo, a gente vai te contar como vai ser agorinha mesmo. Se liga:

  • As nossas matérias chegam pra você a cada 1h, de segunda a sábado. Informações urgentes podem ser enviadas a qualquer momento.
  • Somente os administradores podem mandar os informes e realizar alterações no grupo. Além disso, estamos sempre monitorando quem são os participantes.
  • Caso tenha alguma dificuldade para acessar o link das matérias, basta adicionar o número (22) 99954-6926 na sua lista de contatos.

Nos ajude a crescer, siga nossas redes Sociais: Facebook, Instagram, Twitter e Tik Tok e Youtube

Veja Também

Últimos dias: Mutirão da Catarata tem inscrições somente até o dia 20 de junho

Sindsol Búzios Celebra 28 Anos de História

Projeto Búzios Presente no mês do meio-ambiente promove Eco Trail de Educação Ambiental

Búzios combate ocupações irregulares no Parque Estadual da Costa do Sol

Coluna da Angela

A reprodução parcial deste conteúdo por veículos de comunicação é permitida desde que contenha crédito à Prensa de Babel na abertura do
texto, bem como LINK para o site "www.prensadebabel.com.br"
A supressão da fonte pode implicar em medidas de acordo com a lei de direitos autorais.