Menu

Cidades

André Ceciliano: a possibilidade de ser vice de Paes e uma missão para todo o Rio

Firme no PT e alinhado com Lula, Ceciliano busca fortalecer o estado. Búzios também quer iniciativas de desenvolvimento

Em meio a movimentações políticas que visam a presença de nomes nacionais influenciando nas disputas municipais em outubro, cujo os resultados são fundamentais para o fortalecimento de base para as presidenciais em 2026, o ex-presidente da Alerj, André Ceciliano, exonerado a pedido da Secretaria Nacional de Assuntos Federativos, retoma sua posição de nome estratégico no tabuleiro político do Rio de Janeiro. Em um encontro do PT em Brasília, a presidenta nacional do partido, Gleisi Hoffmann, destacou que Ceciliano, firme no PT e alinhado com o presidente Lula, desempenhará um papel que transcende sua possível indicação a vice-prefeito na chapa de reeleição de Eduardo Paes.

“André é o nome que o presidente Lula gostaria de ver como vice de Eduardo Paes, uma decisão que será tomada mais à frente. Mas, independentemente disso, a missão de André vai além. Ela inclui o fortalecimento das candidaturas onde a federação PT-PCdoB-PV esteja na disputa e a montagem dos palanques de 2026, com o objetivo de enfrentar o bolsonarismo no estado onde esse movimento de extrema-direita nasceu”, afirmou Gleisi durante o encontro com o pré-candidato a prefeito de Duque de Caxias, José Camilo Zito (PV).

A missão de Ceciliano não se restringe à capital. Seu papel é acompanhar as iniciativas federais no Estado do Rio. Nesta segunda-feira (10) , ele tem um encontro com o presidente municipal do PT, Thiago Santana, para traçar uma agenda de visitas e encontros. Entre as obras a serem visitadas estão o Anel Viário de Campo Grande, o BRT e as futuras instalações do IFRJ no Complexo do Alemão. A inauguração do Parque de Realengo, prevista para 15 de junho, será um marco, transformando um antigo terreno do Exército em um espaço de lazer para a comunidade da Zona Oeste.

Além dessas atividades, Ceciliano participará de eventos de prestação de contas do governo Lula no Rio, discutindo os avanços e desafios federais com militantes, parlamentares, candidatos, artistas e a sociedade civil organizada. Sua influência e presença são vistas como fundamentais para a consolidação de projetos de infraestrutura e desenvolvimento em todo o estado.

Búzios, que já conta com uma proposta de alça viária, cujo traçado teve a participação do arquiteto e urbanista Octavio Raja Gabaglia e geraria uma “nova entrada de acesso ao município”, que já teve recurso enviado em 2019, e que já foi apelidada pela comunidade como “Alça Ceciliana” em referência ao seu nome, também deve se beneficiar dessa missão abrangente. André, que foi deputado estadual e presidente da ALERJ, destaca a importância de incluir todos os municípios do Rio em um projeto de desenvolvimento unificado, garantindo que regiões como Búzios não fiquem de fora das iniciativas de crescimento e sustentabilidade.

A recente volta de Alexandre Martins ao cenário político de Búzios e a retomada de diversos apoios podem influenciar a direção dos apoios do PT e PCdoB na cidade. Apesar do grupo de Leandro de Búzios ter recebido apoio ao PT-PCdoB nas eleições suplementares, a aliança parecia ser mantida discretamente para evitar a perda de simpatia dos eleitores bolsonaristas. Agora, com Ceciliano articulando as estratégias estaduais, há a possibilidade de uma migração desse apoio para Martins, alinhando a cidade com a visão de desenvolvimento estadual integrada promovida por Ceciliano.

Com essa agenda intensa e diversificada, Ceciliano está ativo para enfrentar os desafios de fortalecer o PT em diversas frentes no estado do Rio.

André Ceciliano: a possibilidade de ser vice de Paes e uma missão para todo o Rio

Firme no PT e alinhado com Lula, Ceciliano busca fortalecer o estado. Búzios também quer iniciativas de desenvolvimento

Em meio a movimentações políticas que visam a presença de nomes nacionais influenciando nas disputas municipais em outubro, cujo os resultados são fundamentais para o fortalecimento de base para as presidenciais em 2026, o ex-presidente da Alerj, André Ceciliano, exonerado a pedido da Secretaria Nacional de Assuntos Federativos, retoma sua posição de nome estratégico no tabuleiro político do Rio de Janeiro. Em um encontro do PT em Brasília, a presidenta nacional do partido, Gleisi Hoffmann, destacou que Ceciliano, firme no PT e alinhado com o presidente Lula, desempenhará um papel que transcende sua possível indicação a vice-prefeito na chapa de reeleição de Eduardo Paes.

“André é o nome que o presidente Lula gostaria de ver como vice de Eduardo Paes, uma decisão que será tomada mais à frente. Mas, independentemente disso, a missão de André vai além. Ela inclui o fortalecimento das candidaturas onde a federação PT-PCdoB-PV esteja na disputa e a montagem dos palanques de 2026, com o objetivo de enfrentar o bolsonarismo no estado onde esse movimento de extrema-direita nasceu”, afirmou Gleisi durante o encontro com o pré-candidato a prefeito de Duque de Caxias, José Camilo Zito (PV).

A missão de Ceciliano não se restringe à capital. Seu papel é acompanhar as iniciativas federais no Estado do Rio. Nesta segunda-feira (10) , ele tem um encontro com o presidente municipal do PT, Thiago Santana, para traçar uma agenda de visitas e encontros. Entre as obras a serem visitadas estão o Anel Viário de Campo Grande, o BRT e as futuras instalações do IFRJ no Complexo do Alemão. A inauguração do Parque de Realengo, prevista para 15 de junho, será um marco, transformando um antigo terreno do Exército em um espaço de lazer para a comunidade da Zona Oeste.

Além dessas atividades, Ceciliano participará de eventos de prestação de contas do governo Lula no Rio, discutindo os avanços e desafios federais com militantes, parlamentares, candidatos, artistas e a sociedade civil organizada. Sua influência e presença são vistas como fundamentais para a consolidação de projetos de infraestrutura e desenvolvimento em todo o estado.

Búzios, que já conta com uma proposta de alça viária, cujo traçado teve a participação do arquiteto e urbanista Octavio Raja Gabaglia e geraria uma “nova entrada de acesso ao município”, que já teve recurso enviado em 2019, e que já foi apelidada pela comunidade como “Alça Ceciliana” em referência ao seu nome, também deve se beneficiar dessa missão abrangente. André, que foi deputado estadual e presidente da ALERJ, destaca a importância de incluir todos os municípios do Rio em um projeto de desenvolvimento unificado, garantindo que regiões como Búzios não fiquem de fora das iniciativas de crescimento e sustentabilidade.

A recente volta de Alexandre Martins ao cenário político de Búzios e a retomada de diversos apoios podem influenciar a direção dos apoios do PT e PCdoB na cidade. Apesar do grupo de Leandro de Búzios ter recebido apoio ao PT-PCdoB nas eleições suplementares, a aliança parecia ser mantida discretamente para evitar a perda de simpatia dos eleitores bolsonaristas. Agora, com Ceciliano articulando as estratégias estaduais, há a possibilidade de uma migração desse apoio para Martins, alinhando a cidade com a visão de desenvolvimento estadual integrada promovida por Ceciliano.

Com essa agenda intensa e diversificada, Ceciliano está ativo para enfrentar os desafios de fortalecer o PT em diversas frentes no estado do Rio.

NOTÍCIAS DE GRAÇA NO SEU CELULAR

A Prensa está sempre se adaptando às novas ferramentas de distribuição do conteúdo produzido pela nossa equipe de reportagem. Você pode receber nossas matérias através da comunidade criada nos canais de mensagens eletrônicas Whatsaap e Telegram. Basta clicar nos links e participar, é rápido e você fica por dentro do que rola na Região dos Lagos do Rio de Janeiro.

Faça parte da nossa comunidade no Whatsapp e Telegram:

Se você quer participar do nosso grupo, a gente vai te contar como vai ser agorinha mesmo. Se liga:

  • As nossas matérias chegam pra você a cada 1h, de segunda a sábado. Informações urgentes podem ser enviadas a qualquer momento.
  • Somente os administradores podem mandar os informes e realizar alterações no grupo. Além disso, estamos sempre monitorando quem são os participantes.
  • Caso tenha alguma dificuldade para acessar o link das matérias, basta adicionar o número (22) 99954-6926 na sua lista de contatos.

Nos ajude a crescer, siga nossas redes Sociais: Facebook, Instagram, Twitter e Tik Tok e Youtube

Veja Também

Últimos dias: Mutirão da Catarata tem inscrições somente até o dia 20 de junho

Sindsol Búzios Celebra 28 Anos de História

Projeto Búzios Presente no mês do meio-ambiente promove Eco Trail de Educação Ambiental

Búzios combate ocupações irregulares no Parque Estadual da Costa do Sol

Coluna da Angela

A reprodução parcial deste conteúdo por veículos de comunicação é permitida desde que contenha crédito à Prensa de Babel na abertura do
texto, bem como LINK para o site "www.prensadebabel.com.br"
A supressão da fonte pode implicar em medidas de acordo com a lei de direitos autorais.