blank
Publicidade

10 passeios imperdíveis para fazer em Maricá

[views count='0' print='1']

Idade é sinal de alerta para fratura vertebral, diz estudo

Idade é sinal de alerta para fratura vertebral, diz estudo
Idade é sinal de alerta para fratura vertebral, diz estudo

A idade avançada é um dos principais sinais de alerta de fratura vertebral que podem ser observados na triagem de pacientes com queixas de dor lombar, segundo estudo divulgado pela Cochrane Library. O levantamento analisou dados apresentados em 14 estudos diferentes sobre sintomas e condições relacionados aos problemas na coluna vertebral.

O relatório da pesquisa apontou que pessoas com mais de 70 anos com algum quadro de lombalgia são mais suscetíveis a apresentarem fratura vertebral não especificada. O uso de corticosteroides, trauma (causado por queda), contusão ou abrasão (cortes e arranhões) também aparecem como sinais de alerta para este tipo de fratura.

O Censo Demográfico 2022 apontou que o número de brasileiros com 65 anos ou mais aumentou. Em 2010, os idosos representavam 7,4% da população brasileira e o índice de envelhecimento no país era de 30,7 (ou seja, a cada 100 crianças de zero a 14 anos, havia 30,7 pessoas com 65 anos ou mais), ao passo que, em 2022, o número chegou a 10,9% e o índice de envelhecimento foi de 55,2.

Publicidade
blank

Para o neurocirurgião especialista em doenças da coluna, Felipe Figueira, é preciso redobrar a atenção em casos de quedas ou impactos em idosos para se investigar uma possível fratura vertebral e identificar sinais que indiquem a necessidade de acompanhamento médico.

“Se a dor for intensa ao tocar na coluna ou se a pessoa notar uma mudança na postura, como inclinação para frente, principalmente se acompanhada de dor súbita ou persistente nas costas, é importante procurar avaliação médica”, explica o especialista.

Tratamento de fraturas vertebrais em idosos

Figueira aponta que existem diversas abordagens de tratamento de fratura vertebral em idosos e que inicialmente, o tratamento é conservador. “Na maioria dos casos, repouso e analgésicos podem ser recomendados para aliviar a dor. Nesses pacientes, o uso de coletes ou suportes para a coluna ajuda a limitar a movimentação indevida da coluna e auxilia na recuperação”.

Segundo o neurocirurgião, a fisioterapia é frequentemente empregada para fortalecer os músculos ao redor da coluna e melhorar a mobilidade. Além disso, caso haja dificuldade no controle da dor, o médico pode optar por realizar infiltrações com um conjunto de medicações para este fim.

O especialista ressalta que algumas medidas podem reduzir significativamente o risco de quedas e, consequentemente, de fraturas vertebrais em idosos. De acordo com dados do ELSI-Brasil (Estudo Longitudinal da Saúde dos Idosos Brasileiros), cerca de 40% da população com 80 anos ou mais no país sofrem quedas todos os anos. 

O uso de dispositivos auxiliares, como bengalas ou andadores, a atenção ao levantar-se da cama ou de uma cadeira e a prática regular de exercícios, conforme explica Figueira, são maneiras de prevenir acidentes, assim como o uso de calçados apropriados e garantir que os ambientes sejam bem iluminados e livres de obstáculos. 

“É importante avaliar efeitos de medicamentos, atualizar a prescrição de óculos e aparelhos auditivos e fazer revisões médicas regularmente com exames de visão, audição e equilíbrio para evitar quedas e fraturas na coluna vertebral”, aconselha o especialista.

Para saber mais, basta acessar: https://drfelipefigueira.com.br/

blank

DINO

Publicidade
blank

Mais Lidas

blank

‘Morte Materna Zero’ é tema de treinamento em Búzios

[views count="1" print="0"]
blank

Verão Búzios começa com shows de Carol Biazin e Sandra de Sá no Fishbone

[views count="1" print="0"]
blank

Maricá terá 19 palcos em diversos pontos de folia no Carnaval

[views count="1" print="0"]
blank

A maré tá boa pro Sapato, brother arremata ‘Poder Curinga’ da semana

[views count="1" print="0"]
blank

Procon de Cabo Frio fiscaliza cobrança de consumação mínima na Praia do Peró

[views count="1" print="0"]
blank

Ricardo Alface vence a prova do anjo e entrega monstro aos brothers Gabriel Santana e Domitila

[views count="1" print="0"]

BBB 24

blank

Expulsão Chocante: Wanessa Camargo deixa ‘BBB 24’ após confronto com Davi!

blank

Expulsão Chocante: Wanessa Camargo deixa ‘BBB 24’ após confronto com Davi!

blank
BBB 24

Lucas Henrique é o novo Líder

blank
BBB 24

Lucas Henrique é o novo Líder

blank
BBB 24

Rodriguinho é o décimo eliminado do reality

blank
BBB 24

Rodriguinho é o décimo eliminado do reality

blank
BBB 24

Fernanda, Lucas Henrique e Rodriguinho formam a décima berlinda

blank
BBB 24

Fernanda, Lucas Henrique e Rodriguinho formam a décima berlinda

blank
BBB 24

Beatriz e Isabelle são a última dupla a deixar a Prova do Líder de Resistência do BBB 24

blank
BBB 24

Beatriz e Isabelle são a última dupla a deixar a Prova do Líder de Resistência do BBB 24

blank
BBB24

Deniziane é a nona eliminada do reality

blank
BBB24

Deniziane é a nona eliminada do reality

Últimas Notícias

Expulsão Chocante: Wanessa Camargo deixa ‘BBB 24’ após confronto com Davi!

Expulsão Chocante: Wanessa Camargo deixa ‘BBB 24’ após confronto com Davi!

Programa de Emagrecimento da Amil acompanhou 10 mil em 2023

Programa de Emagrecimento da Amil acompanhou 10 mil em 2023

Abrasel e Sebrae lançam cursos grátis para redução de custos

Abrasel e Sebrae lançam cursos grátis para redução de custos

Autora lança livro sobre os benefícios mentais da Yoga

Autora lança livro sobre os benefícios mentais da Yoga

ABIMAQ lança curso voltado para profissionais da área de energia eólica

ABIMAQ lança curso voltado para profissionais da área de energia eólica

Professores da rede municipal de Cabo Frio avaliam paralisação caso pagamento de salários não seja efetuado até o quinto dia útil de março

Professores da rede municipal de Cabo Frio avaliam paralisação caso pagamento de salários não seja efetuado até o quinto dia útil de março

Publicidade
blank

Veja também