Prolagos lança segunda edição do programa Pioneiros

Projeto oferece capacitação a jovens de comunidades pesqueiras e quilombolas

PROLAGOS 300_250_pix

Capacitar jovens para o mercado de trabalho e promover transformação social nas comunidades locais. Esses são alguns dos objetivos da segunda edição do Pioneiros, programa de responsabilidade socioambiental da Prolagos, uma empresa da Aegea Saneamento, lançado na tarde desta segunda-feira (16). O projeto irá capacitar jovens de comunidades pesqueiras e quilombolas das cidades da área de concessão da companhia, com idades entre 15 e 20 anos, por meio de workshops, visitas técnicas e oficinas online.

O evento aconteceu na sede da concessionária, aderindo todas as medidas de prevenção da Covid-19. Os cerca de 15 jovens participaram de uma dinâmica onde puderam conhecer melhor cada um dos participantes. De forma simultânea, também aconteceu o lançamento nacional do programa, realizado pela holding Aegea, com aproximadamente 350 pessoas conectadas. “Essa é uma oportunidade dos jovens se prepararem para a vida profissional. Há uma grande demanda de pessoas querendo ser inseridas no mercado de trabalho, e com esta oportunidade, eles já saem na frente, com uma experiência para ser acrescentada no currículo, conhecendo novas profissões, a realidade do mundo corporativo e uma nova perspectiva de futuro” – comenta Simony Dias – coordenadora de Responsabilidade Social da Prolagos.

Durante dois meses, serão realizadas palestras com o corpo técnico da empresa sobre temas como tecnologia de informação, processos de tratamento de água e esgoto, liderança e protagonismo, planejamento e comunicação empresarial, entre outros. O primeiro encontro será no dia 26 de agosto, às 14h, quando o grupo irá conhecer a Estação de Tratamento de Água, localizada no distrito de São Vicente, em Araruama.

As atividades serão às terças e quintas, das 14h às 18h, na sede da empresa, em São Pedro da Aldeia. Os participantes receberão ajuda de custo para transporte, alimentação, além de material como mochila, caneta, caderno e uma viseira. Após a imersão no conteúdo, eles terão o desafio de elaborar um projeto que contribua com o saneamento no bairro em que vivem. Os autores das três melhores propostas serão premiados, concorrem a uma vaga como Jovem Aprendiz na Prolagos e se credenciarão para a etapa nacional, disputando com representantes de outras concessionárias do grupo Aegea. “Gosto muito da Prolagos, me identifico com a política da empresa e espero me dedicar e conseguir ser uma das finalistas, para quem sabe, conseguir trabalhar na concessionária” – afirma Vitória Torres, estudante de Búzios.

Comentários estão fechados.