Imóveis em Búzios notificados por invasão de áreas protegidas

Imóveis nas praias de Geribá, Ferradura, Canto, Azeda, Ossos, Tartaruga, Manguinhos e Marina foram alvo de notificações

PROLAGOS 300_250_pix

Proprietários de imóveis de diferentes pontos em Búzios receberam notificações da Prefeitura. Nesta terça-feira (18), o órgão explicou que a medida se deu por determinação do Ministério Público Federal (MPF).

Os locais que receberam as advertências estariam ocupando áreas de preservação permanente, como praias, costões, rochas e encostas que são protegidos por legislação federal.

As Leis 12.651/2012(Federal) sobre Áreas de Proteção Ambientais, a Lei 140/2011 (Federal), a Lei 9.605/1998(Federal) e o decreto municipal n.705/2008, embasam as ações da Secretaria do Ambiente, Pesca e Urbanismo, no sentido de exercer o poder de polícia e multar aqueles que não cumprirem as determinações.

As praias de Geribá, Ferradura, Canto, Azeda, Ossos, Tartaruga, Manguinhos e Marina, foram alvo de notificações, e as multas aplicadas variam de R$40.000,00 a R$80.000,00, além da demolição e/ou retirada das edificações ou construções que estejam invadindo as áreas de proteção.

Nas imagens podemos verificar rampas de embarcações, escadas, passarelas, cercas, vegetação exótica e muros que invadem as areias das praias, e, caso não sejam retiradas ou removidos pelos proprietários, serão demolidas.

PRENSA 970X250 GOOGLE CONTEMPLADO INTERTEXTO BARRA
Comentários