Lei de combate à pobreza menstrual é sancionada em Búzios

Município instituiu o Programa de Fornecimento de Absorventes Íntimos nas escolas municipais

O prefeito Alexandre Martins sancionou a lei 1.688, que o Programa de Fornecimento de Absorventes Íntimos para estudantes de escolas municipais de ensino fundamental, do 1º ao 9º ano, ensino médio, tanto o regular quanto de formação de professores, e Educação de Jovens e Adultos – EJA.

Além dos absorventes, as alunas também receberão material instrutivo e informativo que deverá circular nas escolas de modo que a criança e adolescente tenha informação de qualidade quanto ao ciclo menstrual e suas etapas.

A proposta de lei é do vereador Rafael Aguiar e aguardava sanção desde setembro. A lei foi publicada na quarta-feira (1º) no Boletim Oficial do município.

João Botas

O Colégio Estadual João de Oliveira Botas, apesar de ser da Rede Estadual de Ensino, começou a fornecer absorventes íntimos para os estudantes. Em um comunicado na rede social da unidade, na quinta-feira (2), a escola avisou que o item está disponível para retirada.  A escola atende a rede regular de ensino médio e o Núcleo de Educação de Jovens e Adultos (Neja).