“Não conseguia serviço em lugar nenhum”, a história de um arquiteto de Macaé que mudou de vida com bitcoins

Arquiteto de Macaé conta como conseguiu sustentar a família com o uso de bitcoins, em um período de desemprego

A história de um homem sobre a reinserção no mercado de trabalho ganhou destaque, nesta semana, após ele compartilhar um meio inusitado de trabalho que encontrou: a mineração de criptomoedas. O youtuber, Denny Torres, compartilhou a história de como conseguiu dar a volta por cima após perder o emprego, em Macaé, em 2017.

Denny é arquiteto e tem 44 anos. Natural de Salvador (BA), ele compartilha suas experiências e histórias por meio de seu canal no Youtube, no ‘quartinho de mineração’.

Segundo o youtuber, após a saída do emprego, em 2017, o arquiteto ficou sabendo que, na Venezuela, as pessoas estavam apostando na mineração para enfrentar a hiperinflação. Na época, 1 bolívar valia o mesmo que 1 satoshi, que é a menor fração do Bitcoin (0,00000001 BTC).

“Como eu estava desempregado e não conseguia serviço em lugar nenhum, eu precisava de um lugar onde o custo de vida fosse barato”, contou Torres em uma entrevista ao Portal Bitcoins. O arquiteto se mudou, junto com a esposa e seus três filhos para Conceição do Almeida, no interior da Bahia.

Após o investimento em máquinas, ele foi ampliando a chamada ‘rig’ (conjunto de mineradoras) gradativamente. Segundo Denny, as criptomoedas mineradas eram monero (XMR) e ethereum classic (ETC).

Imagem: Redes Sociais | Reprodução

Segundo ele, pagando todas as contas e tirando os custos de eletricidade, ainda lhe sobravam cerca de R$ 5 mil por mês.

Crise financeira

No ano de 2018, o bitcoin começou a despencar, assim como as outras criptomoedas. “Eu continuava a receber a mesma quantidade de ethereum, mas quanto eu transformava em real já não cobria minhas despesas”, contou, que não tinha outra fonte de renda.

Com a crise, o arquiteto se viu obrigado a desmontar as máquinas e vendê-las. Em agosto do mesmo ano, a antiga empresa o chamou para trabalhar de volta, o que fez com que ele voltasse para Macaé.

De volta à mineração

O “Quartinho de Mineração” é o espaço em que Torres compartilha sua história com a mineração das criptomoedas. Atualmente, ele começou a montar uma outra rig para o serviço, apenas para ensinar a montagem e configuração do sistema. O canal já possui mais de 1 milhão de visualizações.

PRENSA 970X250 GOOGLE CONTEMPLADO INTERTEXTO BARRA
Comentários