NOVEMBRO NEGRO

Escritora da Região dos Lagos lança audiobook gratuito no Spotify

Audiobook conta com o apoio do edital Cultura Presente nas Redes, promovido pela Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Rio de Janeiro

Antropologia e teoria feminista estes são os valores abordados pela escritora Aline Moschen de Andrade na mais nova obra. O audiobook “Poemas de Sangue” traz reflexões sobre o corpo feminino e a relação com o sangue como substância, elo e fluxo.

A obra literária traz um compilado de 15 poemas inéditos, disponíveis em formato de áudio, com paisagens sonoras. O conteúdo pode ser acessado gratuitamente na plataforma do Spotify.

A autora mora em São Pedro da Aldeia e neste novo projeto, conta com o apoio do edital Cultura Presente nas Redes, promovido pela Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Rio de Janeiro, e direcionado para artistas e agentes culturais no período da pandemia.

A escritora comenta sobre a importância deste novo formato de literatura. “Acredito que, ao ampliar as possibilidades, alcançamos mais pessoas. Felizmente, hoje a tecnologia permite novos recursos que podem ser usados para a inclusão. O áudio é um formato inclusivo para livros, porque alcança pessoas que, por inúmeros motivos, não conseguem ler. Ao mesmo tempo é um recurso estético que opera como uma extensão do texto, trazendo mais camadas de sensibilidade a ele”.

Aline Moschen é doutoranda em Antropologia Social pelo Museu Nacional (UFRJ) e docente na Escola Latino-Americana de Altos Estudos em Cultura. Durante a trajetória literária, recebeu o Prêmio Troféu Itapuca de Poesia, pela Universidade Federal Fluminense e pela Imprensa Oficial do Rio de Janeiro em 2012.

Para ouvir o audiobook gratuitamente, basta pesquisar “Poemas de Sangue” no Spotify, ou acessar o link.

Os interessados em acompanhar a carreira da escritora podem segui-la no instagram.

PRENSA 970X250 GOOGLE CONTEMPLADO INTERTEXTO BARRA
Comentários