Ativistas promovem festival para debater sobre cultura negra na Região dos Lagos

PROLAGOS 300_250

“Festival Movimentos Negros: Cultura e Ancestralidade” acontece a partir da próxima semana, nas plataformas digitais

A partir desta segunda-feira (20), grupos ativistas do movimento negro na Região dos Lagos irão promover o “Festival Movimentos Negros: Ancestralidade e Contemporaneidades”. Através das plataformas digitais, irão acontecer atividades que impulsionarão o debate de temas, como, fortalecimento político, cultural, social, vulnerabilidades sociais que atingem a população, representatividade, entre outros.

As rodas de conversa irão acontecer entre os dias 20, 22, 24, 28, 30 de Julho e 01 de Agosto, através do Facebook, Youtube e Instagram. O primeiro debate acontece na próxima segunda-feira (20), às 18h, e conta com a presença da Presidente da UNEGRO, Claudia Viatlino; Aninha Catão, Diretora do Grupo Tambor de Cumba; Marcelo Dias, Dirigente Nacional do Movimento Negro Unificado (MNU). A mediação será por conta de André Marinho, e terá a intervenção poética de Emí Iná e Mahe Silva.

Segundo a organização do projeto, o objetivo é apresentar e evidenciar as contra-narrativas da população negra, como uma resposta ao sistema, e contribuir para o fortalecimento do quilombos contemporâneos.

Outras informações podem ser encontradas nos perfil no Instagram @festivalmovimentosnegros.

Comentários