NOVEMBRO NEGRO

Prensa de Babel é uma das 5.300 redações selecionadas no mundo que vão receber o Fundo Global de Emergência do Google


O site, que completa quatro anos em novembro, vai receber 5 mil dólares para manutenção da equipe

A Prensa de Babel, jornal diário e online que completa quatro anos em novembro foi um dos 5.300 veículos de comunicação ao redor do mundo selecionado para receber o Fundo Global de Emergência para Jornalismo promovido pelo Google. As inscrições iniciaram em 15 de abril e o resultado foi divulgado no último dia 19 de maio. A Prensa vai receber cinco mil dólares do fundo.

O fundo vai nos proporcionar chegar mais além e cobrir os chamados desertos de notícias.

Victor Viana – co-fundador e CEO Prensa
O fundo chega num momento importante em que as perdas em decorrência da pandemia colocavam em risco a manutenção da equipe

Com os valores a Prensa vai garantir três meses de salários a equipe que compõe a redação, formada por quatro jornalistas, um designer e um técnico em TI, além de melhorias no layout e aquisição de equipamentos. O fundo chega num momento importante em que as perdas em decorrência da pandemia colocavam em risco a manutenção da equipe.

“Estamos muito animados com esse fundo, a grande preocupação desde o início da pandemia era a manutenção da nossa equipe completa, cobrindo as quatro cidades que são alcançadas com nosso trabalho, Macaé, Rio das Ostras, Cabo Frio e Búzios. O fundo vai nos proporcionar chegar mais além e cobrir os chamados desertos de notícias e remunerar de forma adequada nossos jornalistas. O fundo vai nos dar fôlego para cobrir de forma mais intensa as cidades de Rio das Ostras e Cabo Frio, que ainda não tem correspondentes”, comentou o editor da Prensa, Victor Viana, que é também um dos fundadores do periódico, junto com o também jornalista Sandro Peixoto.

O direito a informação

Desde o início da pandemia a Prensa mantém atualizada a editoria sobre o avanço da Covid-19 em Búzios traçando paralelos, confrontando dados e apresentando soluções em matérias publicadas diariamente. Ocupando espaço primordial na divulgação de medidas de prevenção e controle social dos gastos públicos, não apenas no formato escrito mas apresentando a opção de lives com convidados e especialistas para debater o tema.

“Desde os primeiros casos no Rio de Janeiro, tínhamos a certeza de qual seria nosso papel em Búzios para divulgação de informações que são direito da comunidade. Já nas primeiras matérias abordamos a importância do fechamento da cidade e das ações socioeconômicas para alcançar as famílias em vulnerabilidade social no município. Esse é o papel do jornalismo e o que motiva a Prensa a avançar, oferecer jornalismo”, comentou Camila Raupp jornalista responsável pela editoria do novo coronavírus na cidade.

Uma das repórteres do site, a jornalista Maria Fernanda Quintela, foi a ganhadora do Prêmio Prolagos de Jornalismo Ambiental em dezembro de 2019, com matéria publicada no site. O tema escolhido foi o Mangue de Pedras, ativo natural raríssimo localizado em Búzios. Sobre o fundo ela comemora:

“Este fundo é um grande incentivo a seguirmos no caminho que sempre acreditamos ser o único possível, o caminho da informação bem apurada que mostre a verdade dos fatos, como eles são. Essencial na vida das pessoas, a informação se tornou em tempos de pandemia, uma garantia a mais de proteção ao cidadão, e seu norte, sobre como viver este período”.

Aprimoramento digital

Desde o principio a Prensa escolheu por se diferenciar no interior fluminense utilizando ao máximo as alternativas disponibilizadas pelo espaço digital, sempre com o objetivo final de melhor informar. “Fiquei muito feliz com a notícia de que a Prensa recebeu o Fundo Global de Emergência para Jornalismo. Com os valores recebidos vamos poder comprar materiais para melhorar cada vez mais o nosso trabalho.”, comenta João Costa – responsável pelas redes sociais e tecnologia.

Monique Gonçalves, jornalista que cobre a cidade de Macaé celebra o momento que a Prensa vive.

“É um prazer poder contribuir com o desenvolvimento desse veículo que tem ganhado destaque na região. A característica de site pequeno e local não existe mais. A Prensa tem conseguido deixar os limites do balneário buziano e ganhado outras cidades. Tem sido muito bom participar da história e ajudar com coberturas de pautas da cidade de Macaé”, celebrou.

Impacto social

Um dos pontos analisados para o reconhecimento foi o impacto social do trabalho jornalistico desenvolvido pelo veículo. A Prensa desde o inicio traçou em sua linha editorial a premissa do jornalismo como ferramenta de transformação social e esforça-se para dar visibilidade a grupos historicamente excluídos, e com isso colaborar na busca da equiparação de direitos.

A Prensa registra cerca de 80 mil visitas mensais ao site, além da página no Facebook, Twitter e Instagram e canal no Youtube em crescimento contínuo.

Sobre o Fundo

O Fundo Global de Emergência para Jornalismo, é uma inciativa criada pelo Google Initiative News para oferecer apoio a pequenas e médias organizações com relevância e que contribuem para a produção de notícias direcionadas a comunidade local. Cerca de doze mil veículos de mais de 100 países se candidataram. O fundo vai distribuir 100 milhões para veículos de comunicação em todo o mundo.

PRENSA 970X250 GOOGLE CONTEMPLADO INTERTEXTO BARRA
Comentários