Cães farejadores são utilizados em operação antidrogas em Búzios

Os cães foram utilizados para ajudar na busca por drogas; Foto Divulgação

Dando continuação a Operação Varredura a  5ª Companhia de Polícia, comandada pelo subtenente Madureira, em parceria com a Guarda Municipal de Armação dos Búzios e Casimiro de Abreu, utilizou cães  farejadores para a repressão ao tráfico de drogas em Búzios neste sábado (27). 

Nesta ação foram apreendidas quatro buchas de haxixe. O portador foi conduzido à delegacia da cidade, onde, de acordo com os policiais, afirmou  que ia para uma festa e faria uso da droga com amigos. Foi autuado no artigo 28 da Lei 11.343/06 (posse e uso de entorpecentes). 

É a continuidade das chamadas operações integradas, em que a Guarda Municipal de Casimiro de Abreu auxilia com seu guardas e cães treinados para farejar drogas. Em setembro deste ano aconteceu a primeira dessas ações em que  os cães foram levados para pontos estratégicos e farejaram drogas dentro de um carro, em terrenos baldios e em uma área de mata, no bairro Vila Caranga. 

Na época a Prefeitura de Búzios informou que estava sendo estudada a possibilidade do município ter seu próprio canil com cães farejadores. 

.

De acordo com o comandante Madureira, o objetivo da operação é aumentar “a ostensividade das forças de segurança, reduzir os indicadores de criminalidade e reprimir o tráfico de drogas.”.

 Os agentes do programa PROEIS, que são policiais militares que atuam pagos pela Prefeitura em seus dias de folga aumentando o efetivo policial do município, também participaram da operação.

Leia também Mais do autor

Comentários estão fechados.