Expertise da Aggreko garante energia para o Rock in Rio 2019

O maior festival de música do mundo, o Rock in Rio 2019, contará pela 5ª vez com as soluções da Aggreko para garantir o sucesso de mais esta edição.  A empresa global fornecerá geradores para pontos em que a energia precisa ser altamente eficaz, como palcos, e sistema de climatização para garantir o conforto da área vip do local.

Matteo Sarubbi, gerente Brasil da área de Rental da Aggreko, explica que em alguns locais do evento os geradores funcionarão em stand-by da concessionária para caso de falhas e em outros pontos como fonte de energia principal. “Nossos equipamentos, em geral, trabalham como fonte de energia primária, tornando-se backup para assegurar a continuidade dos shows”, ressalta.

Especializada no fornecimento de energia modular móvel e controle de temperatura, a Aggreko tem um histórico de sucesso no gerenciamento de eventos de alto nível em todo o mundo, sendo responsável pelos sistemas críticos de energia do Rock in Rio.

A escolha da Aggreko para ser fornecedora oficial de energia do Rock in Rio pelo 5º ano deve-se à expertise da empresa no setor de eventos e à confiabilidade das soluções da empresa, de acordo com Matteo.  “O diferencial da companhia é o conhecimento adquirido, já que muitos integrantes da equipe participaram de edições anteriores”.

Também contou ponto a favor da empresa o seu dinamismo e preparo para lidar com os desafios logísticos, “pois a equipe técnica é capaz de fazer um rápido reposicionamento dos equipamentos em caso de necessidade durante os shows”, explica o executivo.  “Outro aspecto fundamental da nossa equipe é o conhecimento para lidar com todos os desafios logísticos, sendo capaz de fazer um rápido reposicionamento de equipamentos, em caso de necessidade”, completa.

Infraestrutura

A Aggreko disponibilizará 32 geradores para o evento, totalizando 6.985 kVAs, além de acessórios como tanques extras de combustível, cabos, proteção de cabos, painéis, trafos, entre outros.  Para a climatização da área VIP estão destinadas 500 toneladas de refrigeração.

Todos os equipamentos fornecidos contarão com o sistema exclusivo de monitoramento remoto da Aggreko, o ARM (Aggreko Remote Monitoring), permitindo que o time da companhia e o cliente acompanhem o desempenho de cada unidade em tempo real.

Uma equipe exclusiva de profissionais altamente capacitados estará dedicada à mobilização, instalação, operação e manutenção dos equipamentos, que serão utilizados para alimentar diversas estruturas do evento. A instalação dos equipamentos será iniciada aproximadamente um mês antes dos shows, para otimização do tempo de testes da estrutura disponibilizada.

 

Sobre o Rock in Rio

O Rock in Rio é o maior evento de música e entretenimento do mundo. Criado em 1985, nasceu com a missão de transformar as pessoas e o mundo a partir da música. Após 34 anos, o evento é parte relevante da história da música mundial e uma plataforma de comunicação que amplifica discursos e usa o poder de sua marca como força motriz para atingir seu compromisso na construção de um mundo melhor.

O poder de alcance do Rock in Rio tem números impactantes. O evento já soma 19 edições, 112 dias e 2.038 atrações musicais. Ao longo destes anos, mais de 9,5 milhões de pessoas passaram pelas Cidades do Rock. Em 2017, 143 milhões de pessoas foram alcançadas por conversas espontâneas sobre o Rock in Rio e, somente durante os dias de evento, foram 41,9 milhões de visualizações de vídeos nas redes. Nascido no Rio de Janeiro, o Rock in Rio conquistou não só o Brasil como, também, Portugal, Espanha e Estados Unidos, sempre com a ambição de levar todos os estilos de música aos mais variados públicos.

Consciente do poder disseminador da marca, o Rock in Rio pauta-se por ser um evento responsável e sustentável. Em 2001, reafirmou seu compromisso de mostrar às pessoas que pequenas atitudes do dia a dia são o caminho para fazer do mundo um lugar melhor para todos. Em 2013, foi reconhecido por seu poder realizador ao receber a certificação da norma ISO 20121 – Eventos Sustentáveis. Gerou 212,5 mil empregos diretos e indiretos em todas edições, mais de R$ 100 milhões investidos em causas e a construção de um legado positivo para as cidades por onde passa – formou 3.200 jovens no ensino fundamental, no Rio de Janeiro; colocou 760 painéis solares em escolas públicas, em Portugal; e montou 14 salas sensoriais em ONGs para atender crianças com deficiências mentais e visuais. Os investimentos são provenientes da venda de ingressos e de ações promovidas junto aos parceiros.

Em 2016, foi a vez de anunciar o projeto do Rock in Rio Amazonia Live, que já garantiu a restauração de mais de 73 milhões de árvores e acontece em todas as edições do evento até 2019. Além disso, desde 2006, o Rock in Rio se compromete a compensar 100% das emissões de CO2 do evento — com auditoria da Delloite — e investiu num plano de redução de emissões, que incluiu a elaboração de um manual de boas práticas para patrocinadores e fornecedores, o qual vem sendo aperfeiçoado a cada edição e é utilizado até hoje em todos os países onde é realizado.

Leia também Mais do autor

Comentários estão fechados.