Abono salarial PIS/Pasep 2019-2020 começa a ser pago, em todo país, nesta quinta-feira (25)

O abono salarial PIS/Pasep 2019-2020, que tem 2018 como ano-base, começará a ser pago nesta quinta-feira (25). O primeiro mês de pagamento será apenas para quem nasceu em julho.

Os pagamentos para trabalhadores de empresas privadas seguem um calendário que coincide com o mês de nascimento, e, portanto, quem nasceu de julho a dezembro recebe o PIS ainda este ano, enquanto quem nasceu de janeiro a junho terá o recurso disponível apenas em 2020.

O saque para funcionários de empresa privadas é realizado na Caixa Econômica Federal (CEF), enquanto que, para os servidores públicos, o cronograma é feito a partir do dígito final do número de inscrição do Pasep e o dinheiro deve ser resgatado no Banco do Brasil.

Poderão receber os benefícios cidadão que trabalharam com carteira assinada por, pelo menos, 30 dias em 2018, e que tenham recebido uma média de até 2 salários mínimos, que atualmente somam 1.996 reais.

Para sacar o benefício, também é necessário estar inscrito no PIS/Pasep há pelo menos 5 anos e ter os dados informados corretamente pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais (Rais).

O valor que cada trabalhador vai receber é proporcional ao número de meses trabalhados formalmente em 2018, podendo chegar a 998 reais para quem trabalhou todos os 12 meses do ano passado.

De acordo com o Ministério da Economia, a estimativa é de que mais de 23 milhões de trabalhadores que têm direito ao abono, possam sacar mais de 19,3 bilhões de reais, que devem ser injetados na economia até 30 de junho de 2020, quando se encerra o pagamento do abono referente a 2018. Cerca de 2 milhões de pessoas não sacaram o benefício do ano-base de 2017.

Em caso de dúvidas, as informações sobre o benefício podem ser consultadas no Aplicativo Caixa Trabalhador, no site da Caixa, ou pelo Atendimento Caixa ao Cidadão, através do telefone 0800-726-0207.

Leia também Mais do autor

Comentários estão fechados.