Em Búzios, Polícia Civil fecha casa de prostituição

Responsável pelo estabelecimento é preso com armas e drogas

O estabelecimento foi fechado por policiais durante ação / Foto Divulgação/Polícia Civil

Uma casa de prostituição foi fechada pela Polícia Civil na madrugada dessa quinta-feira (11), em Búzios. A ação, que foi coordenada pelo delegado titular da cidade, Allan Duarte Lacerda,  foi deflagrada pela equipe do GIC (Grupo de Investigações Complementares) e do GI da 127ª Delegacia de Polícia de Armação dos Búzios. Os policiais chegaram ao local após denúncias.

O estabelecimento, segundo a polícia, funcionava em uma pousada no Portal da Ferradura.

Um homem, apontado como administrador da casa de prostituição, foi preso em flagrante com uma pistola calibre 380, munições, drogas e farta quantia em dinheiro. Ele foi conduzido até a 127ª DP, onde foi autuado pelos crimes de rufianismo (cafetinagem), casa de prostituição, porte ilegal de arma e uso de drogas. O nome dele não foi divulgado.

Durante incursão ao local, os policiais confirmaram que estava em funcionamento um bar boate, com equipamento de som e luzes estroboscópias, palco para dança com mastro de poli-dance, onde trabalhavam algumas garotas de programa. No momento da ação policial, alguns clientes estavam no estabelecimento.

Leia também Mais do autor

Comentários estão fechados.