Hospitais privados declaram apoio à Reforma da Previdência

Sem uma reforma que garanta recursos para cobrir todos os gastos com aposentadoria, o Brasil se tornará inviável e os impactos na saúde serão incalculáveis. Essa é a visão da Associação Nacional de Hospitais Privados (Anahp) que acaba de publicar um manifesto de apoio à Reforma da Previdência. O texto na íntegra pode ser acessado no site da Anahp. 

A afirmação feita pela Anahp retrata que no Brasil, uma inédita associação entre extrema direita e liberalismo econômico assumiu o governo em janeiro de 2019, e sob a presidência de Jair Bolsonaro, uma pauta conservadora é sustentada por propostas liberais no campo econômico, que tem na reforma da previdência social seu principal objetivo.

só que a previdência social brasileira é a instituição mais sólida e reconhecida no vasto campo dos direitos sociais, e,  o que é ignrado pela Ananp, é que a experiência da previdência social e de suas contradições derivou muito do aparato social que temos hoje. O Sistema Único de Saúde (SUS) e seus princípios foram, em grande parte, construídos a partir da crítica à experiência de vinculação da assistência médica à previdência social; assim como a assistência social derivou da crítica à experiência da Legião Brasileira de Assistência (LBA) e demais práticas assistencialistas.

A Constituição Federal de 1988 criou o capítulo inédito da ordem social que tem como objetivo o bem-estar e a justiça social; e nele, a seguridade social, como conceito organizador da proteção social, que compreende a saúde, a previdência social e a assistência social. Desde então, muitas alterações, já estudadas pela literatura, foram feitas nessa estrutura, infelizmente mais restritivas do que inclusivas.

Foto do Diário de Bonito

Segundo o presidente do Conselho de Administração da Anahp, Eduardo Amaro, os hospitais privados são responsáveis em grande parte pela pesquisa e inovação que extrapolam as fronteiras da saúde suplementar, beneficiando todos os brasileiros. “Defender uma reforma é lutar para que, em breve, áreas como a saúde, educação e segurança pública não sofram cortes para cobrir benefícios previdenciários elevados e desiguais entre a população, o que afetará diretamente o crescimento do País”, ousou opinar o executivo. Só que Eduardo Amaro ignora que,  no caso da previdência, reformas foram empreendidas em todos os governos desde a Constituição, mas a proposta feita pelo governo Jair Bolsonaro é a mais ampla e cruel, visto que altera radical e profundamente o que foi construído desde a década de 1930. É também a mais injusta com os brasileiros e a que mais aumenta riscos aos grupos mais vulneráveis de mulheres e idosos.

Sobre a Anahp

A Associação Nacional de Hospitais Privados (Anahp) é uma entidade representativa dos principais hospitais privados do País. Criada em 11 de maio de 2001, durante o 1° Fórum Top Hospital, em Brasília, e fundada em setembro do mesmo ano, a Anahp surgiu para defender os interesses e necessidades dessas empresas de saúde.

Leia também Mais do autor

Comentários estão fechados.