Surfista de Búzios compete etapa do circuito mundial em Fernando de Noronha

Theo Fresia, de 20 anos, inicia o ano na etapa do Hang Loose Pro Contest QS6000, primeiro da sua carreira. Gabriel Medina, atual campeão do mundo, confirmou presença no evento.

A temporada do circuito mundial de surf, pelo menos para o surfista de Búzios, Theo Fresia, começa no próximo dia 16 de fevereiro a sua história no WQS (World Qualifying Series), a segunda divisão da modalidade. O jovem atleta de 20 anos inicia a sua caminhada rumo a elite do WT (World Tour) nas ondas de Fernando de Noronha, no Hang Loose Pro Contest QS 6000. “Será o meu primeiro QS6000 da vida, a minha preparação está boa. Estou treinando físico, treinando na água, com equipamentos novos”, falou.

Como na temporada 2018, Fresia vai selecionar as etapas que for competir, neste primeiro semestre. Será Noronha, um QS3000 no Peru – os dois confirmados -, um QS3000 em Portugal, outro em Portugal, um QS1500 na Espanha, um QS6000 no Brasil ou QS2500 na África – a confirmar. “Vou selecionar (os eventos), como selecionei ano passado. Tentar competir os eventos de maiores pontuações, estou separando por semestre” disse.

Cada etapa do WQS é dividida por pontuação: QS1000, QS2500, QS3000, QS6000 e o QS10000. Para competir nos QS10000, os atletas precisam estar entre os 100 melhores do ranking mundial. A partir da colocação eles podem disputar os Primes, como é chamado. “Esse ano que quero ficar entre os 100 (melhores) do mundo, para poder entrar nos Primes, nos eventos QS1000, que a gente chama de ‘Prime’. Então, a minha meta, é ficar entre os 100 melhores do mundo”, colocou.

Theo Fresia, em 2018, segundo o atleta, atingiu a meta estipulada, que foi conhecer o circuito; estar no circuito; conhecer como pensam os árbitros e terminar o circuito de 2018 entre os 200 melhores. Além disso, o esportista conquistou o Brasileiro Pro Junior (sub20), em 2018. Fresia subiu mais de 600 posições desde que se profissionalizou. O buziano embarca para Noronha na próxima semana, dia 15.

Leia também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.