Vacinação contra sarampo, polio e rubéola começa nesta segunda (6) em Arraial do Cabo

Campanha acontece até o dia 31 nos postos de saúde e no hospital

A campanha de vacinação contra o sarampo, poliomielite e rubéola começa nesta segunda-feira (6) em Arraial do Cabo e se prolonga até o dia 31 do mesmo mês. As vacinas, de acordo com a Prefeitura,  serão aplicadas em 6 unidades de saúde e também no HGAC. De acordo com a Coordenação Municipal de Imunização, ao todo 55 profissionais da saúde estarão envolvidos no processo, que conta com o apoio de 2 veículos, para auxiliar na locomoção dos agentes.
Crianças de 12 meses a 5 anos devem tomar as vacinas e as que já foram imunizadas precisam fazer o reforço com a vacina tríplice viral e a gotinha contra a pólio. A expectativa da Secretaria de Saúde, é vacinar 95% das 1.447 crianças que estão dentro do público alvo. Fique atento aos dias e horários de atendimento.
A ação é do Ministério da Saúde, juntamente com as Secretarias Estaduais e Municipais. A estratégia tem como objetivo manter a elevada cobertura vacinal contra a poliomielite nos municípios, visando evitar a reintrodução do vírus, bem como vacinar contra o sarampo e a rubéola, mantendo o estado de eliminação dessas doenças no país.
Nesta campanha, os pais e responsáveis são atores sociais importantes no processo de vacinação e devem comparecer aos postos de saúde com suas crianças, tendo em vista o reaparecimento de algumas doenças consideradas erradicadas em território brasileiro. Não esquecer de levar a caderneta de vacinação para avaliação e registro.
Transmissão
O sarampo é uma doença causada por um vírus e pode levar a morte se não tratada. Os sintomas iniciais são febre, tosse, irritação ocular, corrimento no nariz, manchas vermelhas na pele, podendo causar infecção nos ouvidos, pneumonia e convulsões. A transmissão ocorre pelo ar, através da tosse, espirro, fala ou respiração. A única forma de prevenção é a vacina.
Já a poliomielite, também conhecida como paralisia infantil, é uma doença provocada por vírus que afeta o sistema nervoso e pode levar à paralisia irreversível dos membros.
Documentos obrigatórios: carteira de vacinação e cartão do SUS.
Locais de vacinação:
HGAC, PSF da Prainha I, PSF de Monte Alto, PSF de Figueira, PSF da Cabocla, PSF da Boa Vista e PSF do Sabiá.
Horários:
PSF de Figueira: quarta-feira de 13h30 às 16h e quinta-feira de 9h às 11h.
PSF de Monte Alto: quarta-feira de 9h às 11h e quinta-feira de 13h30 às 16h.
PSF da Prainha: quarta-feira de 9h às 11h30 e sexta-feira de 14h às 16h30.
PSF do Sabiá: segunda-feira das 14h às 16h e quinta-feira das 9h às 11h.
PSF da Boa Vista: quinta-feira das 9h às 11h30 e das 13h30 às 16h30.
Sala de vacina do ambulatório do HGAC: segunda-feira das 14h às 16h; terça-feira das 14h às 16h e quarta-feira das 14h às 16h.
PSF da Cabocla: quarta-feira de 13h às 16h e quinta-feira de 9h às 11h.
O dia D acontece no dia 18 de agosto, onde todos os locais estarão funcionando das 8h às 17h, com atendimento exclusivo para vacinação.

Leia também Mais do autor

Comentários estão fechados.