Artista pernambucano expõe obras sobre astros e poesia em galeria no RJ

Um dos mais conceituados muralistas da atualidade, Derlon Almeida apresenta uma exposição inédita de estudos sobre a Lua, Terra e o Sol

Derlon criando

Na próxima terça, 29, a cidade do Rio de Janeiro recebe um dos maiores muralistas contemporâneos, Derlon Almeida, em uma exposição inédita sobre o diálogo entre o Sol, a Lua e a Terra que é o mote de sua pesquisa. O artista cria um ambiente pictórico na relação desses três personagens tendo a Lua como protagonista. O resultado são obras bastante gráficas que misturam um pouco de astronomia com liberdade poética.

Dentro da galeria Artur Fidalgo, em Copacabana, dez pinturas e uma pequena instalação farão a harmonia do espaço junto com um mural “pintura esboço” – todos os estudos e pesquisas que resultaram em diversos esboços e rascunhos sobre o tema serão refeitos na parede – assim o público poderá ter acesso a riqueza da pesquisa do artista e entender melhor de como resultou as obras.

O especial fica por parte de uma grande instalação em parceria com a cenógrafa brasileira, Gigi Barreto. A cenografia é testemunho de uma inspiração singular e, igualmente, compõe a identidade do conjunto de sua obra e que abrigará a área externa da galeria.

Sobre o artista:

Um dos trabalhos mais antigos do Derlon

Derlon é autodidata, natural de Recife-PE, iniciou suas primeiras experimentações nas artes ainda adolescente com intervenções urbanas pelas ruas do Recife onde se dedicou principalmente a pintura muralista, sob forte influência do grafite e da arte popular brasileira em especial da estética da xilogravura local, começou a espalhar figuras emblemáticas e impactantes pelo centro da cidade onde ganhou notoriedade e chamou a atenção do público em geral.

Logo teve a sua primeira participação em uma exposição, que foi na coletiva Estética da Periferia no Museu de Arte Moderna Aloísio Magalhães, Recife, 2007, depois sendo convidado para trabalhar junto com o grande gravurista Gilvan Samico no 47º Salão de Artes Plásticas de Pernambuco na exposição Narrativas em Madeira e Muro, Museu do Estado, Recife, 2008.

A sua primeira exposição individual veio logo em seguida na Artur Fidalgo galeria no Rio de Janeiro em 2011, depois participou também da coletiva Autivistas na Oscar Cruz galeria, São Paulo, 2013.

Paralelamente, se dedicou a pintura mural, onde fez grandes painéis em fachadas de prédios. Se destacam os feitos nas cidades de Amsterdam (HOL) e Lisboa (PT), 2012. Newcastle (UK), 2013 e o mural dentro da Embaixada do Brasil em Londres (UK), 2016.


Mais informações

Artista: Derlon

Exposição: Diálogo entre o Sol, a Lua e a Terra

Projeto Expográfico: Gigi Barreto

Quando: 29 de maio a 27 de junho de 2018

Local: Galeria Artur Fidalgo

Endereço: Rua Siqueira Campos, 143 – loja 1 – 2˚ piso

Copacabana – Cep 22031-900 – Rio de Janeiro – RJ

Coquetel à imprensa e abertura: 29 de maio de 2018, das 19h às 22h

(Entrada franca)

Leia também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.