Cabo Frio terá quatro candidatos a Prefeito em eleições suplementares

Os nomes foram definidos em convenções partidárias realizadas nesta segunda-feira (14)

No último dia liberado para a realização das convenções partidárias, Cabo Frio definiu, oficialmente, o nome dos quatro candidatos que entram na disputa pela cadeira do Executivo na
Eleição suplementar marcada para acontecer no dia 24 de junho.

O primeiro partido a realizar sua convenção foi o PSOL, que reuniu sua militância logo pela manhã. O candidato do partido será Leandro Cunha que conta com o professor Betinho como Vice. O partido destacou que esse é o momento do novo e que a chapa definida representa o novo e a renovação pela qual passa o PSOL.

“A população precisa acreditar que existe uma política diferente, uma política de construção coletiva, que não passa pelos que se julgam donos do processo político. Nós queremos e acreditamos nessa transferência e transformação na cidade”, enfatizou Leandro Cunha.

Os demais partidos escolheram a noite para realizarem suas convenções, deixando os cabo-frienses na expectativa até o último segundo.

Apesar dos rumores de que o Partido Democrático Trabalhista (PDT) se aliaria a Rede Sustentabilidade em apoio à candidatura de Dr. Adriano, a decisão final do partido foi de lançar sua própria candidatura. Durante a convenção, foi anunciado o nome do vereador Rafael Peçanha como o candidato oficial do partido.

Na ocasião, o partido deixou claro que houve conversa com a Rede, mas que a decisão final foi a da candidatura própria e que não há a menor possibilidade de no decorrer da campanha mudar essa decisão. O arco de alianças formado por Rafael incluí o PT, PV, PPL, e o PSB, formando um apoio à esquerda que há muito tempo o PDT, em especial na Região dos Lagos, não recebia.
Apesar da insatisfação notória de muitos cabo-frienses com relação a decisão da justiça de permitir que Marquinho Mendes possa concorrer às eleições, (sendo ele o motivo do município precisar passar por um novo processo eleitoral), a convenção do Movimento Democrático Brasileiro (MDB) estava lotada.
Assim como informado desde a última sexta-feira, 11, quando o TRE liberou a candidatura de Marquinho Mendes, o partido manteve o nome do ex-prefeito na disputa, mantendo também Rute Shuindt como sua vice. Durante a convenção foi falado sobre o trabalho realizado por Marquinho Mendes durante o último ano como prefeito, destacando a reconstrução da cidade.

A Rede Sustentabilidade manteve Dr. Adriano Moreno como o candidato à Prefeitura de Cabo Frio, assim como Cristiane Fernandes como vice. O discurso de fazer uma política diferente por Cabo Frio aplicado na campanha de 2016 foi mantido.

Leia também Mais do autor

Comentários estão fechados.