Um exemplo de superação vindo de Casimiro de Abreu

Júlio nasceu com hemiplegia e hoje coleciona mais de 120 medalhas dos torneios de natação que participa

Julio Cezar Lira . Foto de Bianca Azevedo

Determinação, superação, generosidade e alegria de viver: adjetivos que definem bem o atleta Júlio César Lira Brito. A história deste nadador é um grande exemplo de como se pode viver sem limitações. Júlio nasceu com hemiplegia, teve paralisia cerebral no parto, o que comprometeu o movimento do lado esquerdo de seu corpo. As adversidade da vida não o rederam. Aos 44 anos, o morador de Casimiro de Abreu coleciona mais de 120 medalhas dos torneios de natação que participa.

A última competição que participou foi em Barra de São João, onde conquistou o 3º lugar em sua categoria, 4º na faixa etária e na classificação geral ficou em 47º entre 200 competidores.

Para Júlio, nadar é muito mais que superação, é alegria e liberdade. Com sol ou chuva, ele levanta cedo e pega o ônibus diariamente para treinar em Rio das Ostras, no projeto social Natação no Mar, onde tem todo o carinho e dedicação dos professores. Ele se inspira em grandes nomes do esporte nacional, como Luís Lima, Poliana Okimoto e Ana Marcela Cunha. “No mar eu me sinto feliz e realizado”, resumiu Júlio.

Leia também Mais do autor

Comentários estão fechados.