Covid-19: Macaé cria Central Única de Vagas de Terapia Intensiva

Novo decreto propõe a criação de rede única de leitos para vagas em Unidades de Terapia Intensiva. Medida tem foco em pacientes com Covid-19

O município de Macaé terá mais uma ação para contenção do novo coronavírus na cidade. O novo decreto n° 208/2020, assinado nesta sexta-feira (4), dá destaque para a a criação da Central Única de Vagas de Terapia Intensiva para pacientes portadores de Covid-19. A medida irá implantar uma rede única de leitos do Sistema Único de Saúde (SUS) e de unidades de saúde privadas.

Segundo a prefeitura, o critério de utilização dos leitos será sua disponibilidade e a gravidade do quadro do paciente. Se forem esgotados os leitos do SUS, os pacientes que necessitem de vaga em terapia intensiva serão encaminhados aos hospitais particulares e de convênios (Hospital da Unimed, Clínica São Lucas e Hospital São João Batista).

As medidas previstas no decreto estarão em vigor até o dia 31 de dezembro. O documento também determinou a suspensão de todos os procedimentos eletivos na rede hospitalar pública e privada de Macaé.

“A gente chegou no pior momento da pandemia em Macaé. Hoje o risco é muito grande. A doença avançou de forma assustadora nas últimas semanas. A gente está fazendo tudo o que é possível. Mas é fundamental que o cidadão tenha responsabilidade com esse momento. É preciso manter, efetivamente, todo o cuidado”, afirmou o prefeito, Dr. Aluizio, em um vídeo postado no Facebook.

Macaé entrou na zona laranja, considerada de risco alto. A taxa de ocupação de leitos de terapia intensiva SUS Covid-19 chegou a 64%. Desde o início da pandemia, a cidade tem 11.316 casos de coronavírus confirmados, com 195 óbitos.

PRENSA 970X250 GOOGLE CONTEMPLADO INTERTEXTO BARRA
Comentários

Windows Lizenz Windows 10 Lizenz Office 2019 Lizenz Kaufen Office 365 kaufen Windows 10 Home kaufen Office 2016 kaufen lisans satın al office 2019 satın al follower kaufen instagram follower kaufen porno