Atletas paraolímpicos estarão em Búzios para divulgar Cardápio em Braille

Nos dias seis e sete de dezembro, quinta e sexta-feira respectivamente, celebridades do desporto paraolímpicos, como Anderson Dias (futebol de para cegos) e Roberto Nunes da Paixão (judô) estarão em Búzios participando da campanha de divulgação do decreto nº 45.289, de 19 de junho de 2015. Esta Resolução Estadual, determina que todo estabelecimento (hotéis, bares, restaurantes e similares) deve disponibilizar pelo menos um cardápio em braille, “de forma a tornar efetivo o direito à informação às pessoas com deficiência visual”.

A campanha, organizada pelo Sindicato dos Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares (SindSol) e Urece – organização sem fins lucrativos que promove atividades esportivas e culturais com a renda obtida com a venda dos Cardápios em Braile, vai contar com o PROCON de Búzios. Presidente da URECE, o atleta paraolímpico Anderson Dias, campeão do Mundial sub-23, na Grécia, em 2002; do Mundial na Espanha em 2000; campeão da Copa IBSA em 2004, na Argentina; bi-campeão da Copa América, em 2001 e 2005, na modalidade do futebol de 5 (para cegos), espera que a cadeia produtiva de serviços turísticos de Búzios, participem, ativamente, dessa campanha:

“Já imaginou entrar em um restaurante e não saber o que tem para comer? Já pensou chegar em um hotel e não conhecer os serviços disponíveis? É exatamente isso que cerca de 900 mil pessoas cegas enfrentam quase que diariamente em nosso país. Como seu estabelecimento atende à esse grande público? É exatamente isso que pretendemos com esta campanha, sensibilizar os empresários quanto a importância da acessibilidade.”,  ressaltou Anderson Dias.
A Urece oferece serviço de produção de material em braille, como cardápios, apostilas, livros e demais materiais de impressão. Atende empresas como a rede KFC, Windsor, Bob’s, Brasas entre outros clientes.

Quando o estabelecimento oferece este tipo de material para clientes cegos, está não apenas expandindo seus negócios, como também entrando em conformidade com a legislação vigente, pois desde 2002, com a Lei 3.879, estabelecimentos comerciais devem oferecer materiais impressos em braille para os clientes.

O cardápio em braile já é uma realidade em Búzios nos restaurantes Buzin, Banana Land, Cigalon e Davi

A Urece também disponibiliza impressões em letras ampliadas para facilitar o acesso à pessoas de baixa visão e idosos. Toda a verba arrecadada com a venda dos materiais é revertida para as atividades esportivas e culturais que a Urece oferece para pessoas com deficiência visual.
O empresário Thomas Weber, presidente do Sindicato dos Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares (SindSol), comentou a importância dessa campanha, destacando que os estabelecimentos que estiverem em acordo com esta Resolução Estadual, estarão contribuindo sobre maneira com a acessibilidade visual.

Leia também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.