Servidores de Cabo Frio estão novamente em greve

Funcionários municipais ainda não receberam o salário referente ao mês de setembro

Servidores da saúde realizaram manifestação em frente a secretaria de saúde

Mais um mês começa com greve, em Cabo Frio. O sindicato dos servidores de Cabo Frio (Sindicaf), o Sindicato dos servidores da saúde (Sindisaúde) e a Associação dos Fiscais Municipais de Cabo Frio (AFM) comunicaram que estão em greve por tempo indeterminado.

Os funcionários do município reivindicam o pagamento do salário referente ao mês de setembro, que deveria ter sido pago até o quinto dia útil, ou seja, na última sexta-feira, 07. A categoria também cobra o pagamento do reparcelamento referente a dezembro de 2016, insalubridade, triênio e o 13º salário de 2015 e 2016.

Para marcar o início da paralisação, os servidores da saúde realizaram um ato na manhã desta segunda-feira, em frente à sede as secretaria de saúde. Com faixas e cartazes, os servidores manifestaram a insatisfação da categoria, com relação a falta de compromisso da administração municipal.

Segundo o Sindisaúde, cerca de 20% a 30% do efetivo continuam trabalhando nas unidades de saúde para não prejudicar a população.

Educação também deve entrar em greve – Os profissionais da Educação também devem aderir a greve, a partir de amanhã, 10.

O Sindicato dos profissionais da Educação (SEPE) convocou a categoria para uma assembleia, ás 18h, de hoje para definir sobre a greve.

Vale destacar que a categoria, que ficou 16 dias em greve, durante o mês de setembro. As atividades só retornaram após uma notificação judicial. Na ocasião, o sindicato deixou claro, que a categoria continuava em estado de greve e caso o pagamento não fosse depositado até o quinto dia útil de outubro, as atividades seriam novamente paralisadas.

Leia também Mais do autor

Comentários estão fechados.